Escolhendo maconha no coffeshop na Holanda

20
0

Atualizado em 02/09/2011

Booking.com

O post sobre maconha na Holanda é um verdadeiro fórum. Tem gente que acha legal, gente que odeia e muita opinião. São mais de 60 comentários. Para participar o Frank nos mandou um super comentário que virou esse post. É mais uma dica para quem vai aos coffeshops na Holanda curtir direito, sem passar dos limites e correr o risco de perder parte da viagem.

Conta aí Frank!!

Cheguei há poucas horas em amsterdã e já fui conhecer um coffee shop na luz vermelha. Digo-lhes que a experiência é fantástica, se bem que eu estou nessa cidade sozinho e lá, na hora em que entrei, fiquei meio tenso e apreensivo mesmo sabendo que era permitido fumar “inside”. Porém não é para tanto, podem entrar tranquilos e decidirem pela maconha que tem o nome mais “cool”, até porque são tantas as opções que o sujeito fica maluco. Mas o pessoal te ajuda dando sugestões e geralmente os famosos “menus” estçao organizados em escala ascendente de “power”. Optei por escolher um nível médio.

Recomendo que, como dito antes em um reply, optem pelo grau mais fraco e não tentem ser super heróis, até porque quem sabe fumar, não exagera. É só curtir a brisa conscientemente, assim não abre-se brecha para uma bad trip. Afinal, passar mal não é uma boa, pois há outras coisas para se fazer nessa linda cidade, como visitar os famosos museus, tirar muitas fotos e apreciar a arquitetura da cidade.

Sobre uma pergunta em um comentário anterior, digo que presenciei os atendentes pedirem os documentos de adolescentes que entraram na coffee shop. Eles não fazem “vista grossa” para menores de 18 anos. O máximo que fazem é pedir para menores se retirarem do recinto, como ocorreu na ocasião.

Valeu pelo post Márcio e espero que eu tenha contribuído um pouco com esse assunto tão polêmico no mundo, mas não aqui.

Virou post Frank, valeu!!!



Deixe seu Comentário

×Fechar