Museu do Crime em São Paulo

por: Marcio Nel Cimatti 21/02/2013

Você sabia que em São Paulo existem dois museus que mostram os maiores crimes cometidos na cidade? Ficou curioso?

Então conheça um pouco mais sobre eles e já coloque na sua lista de passeios interessantes. Mas, é necessário um pré-requisito para visitar os museus: ter estômago forte, pois as fotos são chocantes e os relatos mais ainda. Mas, o passeio vale para conhecer um pouco da história da polícia em São Paulo.

Museu do Crime da Polícia Civil

O museu mostra 63 anos do crime em São Paulo em 600 metros quadrados repletos das mais curiosas e chocantes histórias. Com visitas monitoradas, você pode passear pelo lugar e aprender um pouco mais sobre a apreensão de drogas, tatuagens típicas da cadeia e observar fotos de perícia dos mais famosos crimes que assolaram a cidade.

Quem não conhece o “Crime da Mala”, ocorrido em 1928? Um marido enciumado assassinou a esposa e a colocou dentro de uma mala, a despachando para a França. O problema é que o mau cheiro exalado pelo objeto no navio chamou a atenção dos tripulantes, que chamaram a polícia. A mala verdadeira, apreendida na ocasião, está no museu junto com a história completa do casal José Pistone e Maria Féa Mercedes. Mas, o que poucos sabem é que este não foi o primeiro crime da mala e se você quer conhecer um pouco mais sobre o assunto, precisará conhecer o outro museu do crime. Mas, calma, já chegamos lá.

Praça Reynaldo Porchat, 219 – Cidade Universitária – Portão 1.

Terça a sexta-feira das 13h às 17h.

Entrada Gratuita.

Idade mínima: 16 anos

Contato: (11) 3468-3300

 

Museu do Crime da Associação dos Investigadores de Polícia do Estado de São Paulo

Através de quadros, fotos, documentos e artifícios usados em crimes, o museu conta a história da criminalidade paulista desde o começo do século 20. Lá é possível conhecer os assaltos do famoso bandido Meneghetti, o crime do poço e também conhecer um pouco mais sobre as tragédias, tais como o Incêndio do Edifício Joelma e a Tragédia do Cine Oberdan.

Lá também tem a história do primeiro Crime da Mala, ocorrido em 1908, quando o imigrante Michel Trad assassinou o seu sócio Elias Farah.

Avenida Cásper Líbero, 535.

Entrada gratuita.

Segunda a Sexta das 8h às 17h.

Contato: (11) 3228-7489

museu do crime

Museu da Polícia Civil – Imagem divulgação



Comentários do Facebook

Comentários do Blog - 3 Comentários

  1. Duka

    Que interessante. Com certeza, na minha próxima visita à cidade de São Paulo, vou parar por um momento para poder visitar esses dois museus. E melhor de tudo é que as visitas são de graça!

    responder
    • É verdade! A gente precisa aproveitar melhor as coisas que temos aqui em São Paulo.

      Tem muita atração interessante e de graça!

      Um abraço!!

      responder
  2. Angela

    Nossa, que tipo de museu só fica aberto em horário comercial??

    responder

Deixe seu Comentário






© 2006-2018 | A Janela Laranja - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar