Sea World anuncia parceria com Projeto Tamar

por: Marcio Nel Cimatti 18/03/2017

Quem acompanha meu Stories do Instagram viu que eu fui na entrevista coletiva do SeaWorld Parks & Entertainment onde anunciaram a parceria com Projeto Tamar.

O projeto “Curtir e Preservar” é um programa de arrecadação de fundos que funcionará da seguinte forma. Alguns produtos extras do SeaWorld que forem vendidos antecipadamente no Brasil destinarão uma verba para o projeto Tamar, que é o primeiro parceiro dessa iniciativa.

Bill Street, o curador corporativo de Conservação e Educação do parque nos contou que U$2 de cada produto vendido serão inteiramente repassados para o projeto.

Bill ainda disse,“A equipe do Projeto Tamar são verdadeiramente heróis da preservação e os brasileiros têm muito do que se orgulhar desses esforços. Durante nossa visita nesses últimos dias, nós ficamos extremamente inspirados não apenas pelos esforços de preservação e proteção das tartarugas marinhas e seus habitats, mas também pelo fato deste projeto ter se tornado o coração de uma comunidade toda e criado uma cultura focada na preservação das tartarugas”

Bill Street

Os produtos extras que terão renda revertida ao projeto são: Quick Queue Limited Busch Gardens Tampa; Quick Queue Unlimited Busch Gardens Tampa; Quick Queue Unlimited Sea World Orlando; All-day Dining Deal Sea World Orlando; All-Day Dining Deal Busch Gardens Tampa; Dine with Shamu Sea World Orlando e Serengeti Safari Busch Gardens Tampa.

Neca Marcovaldi, fundadora do Projeto Tamar e Coordenadora Nacional de Preservação e Pesquisa nos disse “A oportunidade de compartilhar nossa experiência ao longo de 36 anos com organizações e pessoas que atuam na conservação marinha é muito gratificante. Mostrar resultados de um trabalho que acreditamos ser essencial para a manutenção das futuras gerações nos inspira e dissemina a mensagem de que as tartarugas marinhas são verdadeiros embaixadores do mar, carregam com elas a proteção de vários outros animais marinhos e possibilitam a geração de inúmeras oportunidades para as comunidades costeiras. Hoje valem mais ‘vivas´ do que ‘mortas”.

Vamos acompanhar para ver como esse intercâmbio vai ajudar a melhorar o já consagrado Projeto Tamar.



Comentários do Facebook

Comentários do Blog

Deixe seu Comentário






© 2006-2018 | A Janela Laranja - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar