Pucón, o vulcão Villarrica

por: Marcio Nel Cimatti 17/09/2018

Viajamos para Pucón com as crianças para conhecer o vulcão Villarrica e principalmente, ver a neve no mês de julho! A região pode ser muito bem aproveitada no inverno e no verão e ficou conhecida pelos variedade de esportes radicais à disposição e por ser um simpático lugar para contato com a natureza.

As Larajinhas, Vitória e Giovana, de 9 e 6 anos, não se aguentavam de vontade de ir brincar na neve. Vou te contar todos os passeios que fizemos nesta viagem deliciosa.

Chegamos em Santiago na noite anterior e pegamos outro voo para Temuco. Com duração de apenas uma hora, achei uma ótima opção para quem não quer enfrentar os quase 800 kms de estrada. Quando for reservar os assentos do voo, escolha o lado esquerdo. Você se acompanhado pelas Cordilheiras por quase todo o trajeto. Incrível!

Ficamos hospedados no Hotel Antumalal (veja como foi) e fomos recebidos no aeroporto de Temuco pelo Andrés, com a van do hotel. Seguimos por pouco mais de uma hora de carro, já conhecendo as paisagens da região e a atração principal: o imponente vulcão Villarrica! Gritos das meninas quando viram o vulcão!!! Lindo, enorme, coberto de neve! Vamos nos aproximando cada vez mais desta maravilha até chegar ao nosso destino. Passamos pela cidadezinha de Villarrica, a única com nome espanhol na região (todas as demais tem nomes indígenas) e logo chegamos ao hotel.

Hotel Antumalal Pucon As Laranjinhas

Vou te contar do Antumalal em outro post, então aqui vou direto para o que fazer em Pucón com crianças. Ficamos 4 noites na região, tempo suficiente para conhecer as principais atrações com calma.

Aproveitamos o final de tarde aos pés do Lago Villarica, com um por do sol de tirar o fôlego.

Passeio ao Vulcão

Acordamos no dia seguinte, tomamos café e encontramos com o taxista que nos levou até a base de ski do vulcão. Decidimos ir com o taxista porque queríamos ter mais flexibilidade do que as excursões, mas não queríamos dirigir sem conhecer a estradinha que leva até lá. A partir do Antumalal, são 35 minutos até a base, parte em uma estrada de mão dupla asfaltada e a parte final por uma estrada de terra batida, que estava com lama da neve derretida quando fomos. Esta parte final não é muito difícil se o tempo estiver bom, sem neve. As únicas dificuldades, sem neve, são alguns buracos e o fato de ser duas mãos.

Pagamos 45.000 pesos (R$ 270,00) para o taxista nos levar, nos esperar duas horas e voltar para o hotel. As excursões para a base, sem a opção de esquiar, custam cerca de 15.000 pesos (R$ 90,00) por pessoa. Como estávamos em 4 pessoas, o preço valeu a pena.

Vulcao Villarrica Teleferico

Logo ao chegar ao Centro de Ski Pucón Chile, a Giovana já queria brincar na neve e vimos muitas famílias com crianças brincando com trenós de plástico que são alugados por vendedores ambulantes na entrada do centro. Custavam 4.000 pesos (R$ 25,00) pelo tempo que você quiser brincar. Apesar da ansiedade da Giovana para brincar na neve, decidimos subir até a base de ski com o teleférico.

Ver o enorme vulcão de perto é realmente incrível. Todo o cenário branco, cercado de montanhas é um convite mesmo para esquiar. Como queríamos conhecer outras atrações da região, não esquiamos desta vez.

Pagamos 15.000 pesos por pessoa para subir e descer no teleférico que leva até o primeiro nível de ski, o Juncalillo, a 1.400 metros de altitude. Neste local também está a cafeteria e se contratam as aulas. Se for esquiar, não se esqueça que é necessário alugar os equipamentos na entrada do centro, antes de subir no teleférico. Na base, se alugam todos os equipamentos e acessórios, mas não as roupas de neve. Há opções de aluguel para um dia, três, cinco ou sete dias. Os preços para um adulto na alta temporada são de 45.000 pesos (dia todo) e 40.000 pesos (meio dia). Todos os preços estão disponíveis no site da estação.

A estação tem 20 pistas de diferentes níveis e é famosa também por ter uma boa condição para snowboard. Se você quiser ter aulas, há a opção de aulas particulares de 55 minutos (40.000 pesos) ou em grupo de, no mínimo, 5 pessoas (25.000 pesos cada).

Fomos em julho, nas férias escolares do Chile também e, segundo o taxista, nesta época muitos chilenos aproveitam o vulcão. Nos meses de agosto e setembro é a vez dos estrangeiros, muitos europeus.

O trajeto do teleférico foi sensacional. Ver o vulcão se aproximando e tudo ficando cada vez mais branco foi emocionante para todos. Muito bonito mesmo.

A vista lá de cima é de tirar o fôlego. Confira no vídeo. Pegamos um chocolate quente e fomos curtir a vista e ver o pessoal esquiar. A cafeteria também serve lanches, que quebram um galho para o almoço e prolongam o tempo para esquiar. Mas o que a Giovana queria mesmo era brincar na neve. Curtimos um pouco mais o visual e pegamos o teleférico de volta.

Vulcao Villarrica Esqui

Lá de cima, dá para ver muitas famílias se divertindo na neve, entre a base e esta primeira parada do teleférico. São muitas crianças se divertindo com os trenós de plástico ou simplesmente rolando na neve. Uma coisa interessante de algumas excursões que levam até a base do vulcão é que o valor do pacote já inclui roupa de neve e as crianças podem rolar a vontade!

Descemos do teleférico e fomos brincar na neve. A Giovana corria para todos os lados, fazendo bolas e atirando em nós. A Vitória queria fazer as maiores bolas e me acertar. Foi muito divertido!

Vulcao Villarrica Gi

Havíamos combinado com o taxista que ficaríamos duas horas por lá e já precisávamos voltar. As meninas queriam muito mais! O bom é que já começamos a programar a próxima viagem para a neve!

Viajamos para o Chile com apoio da GTA Assist, do Hotel Antumalal, do Tierra Atacama e Marcio vestiu No Age.

Ajudamos você com sua Viagem!

O hotel que você está procurando está no Booking

Alugue seu carro em 10x no Brasil sem o IOF de 6,38%

Sua Passagem em 10x aqui no Viajanet

Se estiver pensando em Resort, o Zarpo tem os melhores preços

Compre seu ingresso da Disney, da Universal e do Sea World aqui

Seu ingresso da Broadway, do Cirque du Soleil e City Pass, você encontra aqui



Comentários do Facebook

Comentários do Blog

Deixe seu Comentário






© 2006-2018 | A Janela Laranja - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar