Dicas valiosas para se dar bem na sua visita ao Museu do Louvre

por: Marcio Nel Cimatti 06/11/2018
Booking.com

Visitar o maior museu do mundo não é uma tarefa simples nem fácil. Preparei dicas valiosas para você aproveitar ao máximo a sua visita ao Museu do Louvre.

Quando você decide ir para Paris e coloca o museu no roteiro, as primeiras perguntas surgem na cabeça. Por onde começar? O que ver? Como evitar filas? E muitas outras.

Começo falando um pouco da história do museu. O Museu do Louvre foi erguido pela primeira vez como uma fortaleza medieval no século XII e, em seguida, tornou-se o Palais Royal no século XVI. Se tornou museu em 1793, dedicado “à conservação, à educação e à transmissão do patrimônio às futuras gerações”. Sua grande icônica pirâmide de vidro, com 21 metros de altura e 673 painéis de vidro, foi construída em 1989.

Museu do Louvre

Considerado o maior museu do mundo, ele possui 403 salas, 14,5 quilômetros de corredores, e 10 mil degraus de escadaria. Um percurso que, obviamente, é impossível completar em uma só visita.

Mais de 35.000 obras, incluindo 7.000 pinturas, estão expostas no Museu do Louvre. Com uma média de tempo de 10 segundos para apreciar cada obra, o visitante precisaria de 8 dias para poder ver todas as obras. Assim, além de escolher bem o que visitar, você vai ter que voltar.

Saiba o que é obrigatório. 

Quais são as estrelas do Museu do Louvre? Os 10 milhões de visitantes anuais querem ver a Monalisa (o quadro é protegido por um vidro e fotografado mais de 20.000 vezes por dia). Outros campeões de audiência são a ‘Vênus de Milo’, a ‘Vitória de Samotrácia’, e enfim o quadro da ‘Liberdade a Guiar o Povo’. Também bastante populares são os quadros da ‘Balsa da Medusa’, ‘O Casamento de Caná’ (que é também a maior pintura do museu), e ‘A Coroação de Napoleão’.

Eu adoro a área do Egito. Vale a pena passar por lá e conhecer mais da história, ver as múmias, monumentos e tumbas.

Reprodução

Ache o que você quer ver nos mapas ou no aplicativo “My Visit to the Louvre” (em inglês, francês ou espanhol). No site do museu você encontra um em PDF em português.

A Grande Pirâmide encontra-se na entrada principal e monumental do Museu do Louvre. Ao descer para o pátio a grande questão é qual caminho seguir! Há três opções e o melhor é consultar antes o que quer ver e então decidir. A entrada de Denon, nos leva às obras: ‘Monalisa’, ‘A Vitória de Samotrácia’ e ‘A Vênus de Milo’. A entrada de Sully privilegia a visita das antiguidades egípcias e do Louvre medieval. A entrada de Richelieu leva às esculturas francesas, aos apartamentos de Napoleão III e às antiguidades orientais.

visitante no Louvre

Evite as filas!

Compre o ticket on line antes de ir. Quem vai visitar o Centre Pompidou, o Arco do Triunfo e a Tumba do Napoleão pode optar pelo Paris Museum Pass que também dá acesso sem filas ao museu.

Além de comprar o ticket antes, chegue cedo. O museu abre às 9 horas, mas pode se programar para chegar com meia hora de antecedência.

Outras dicas práticas para sua viagem à Paris. Consulte os horários e voos disponíveis para Paris aqui e compre sua passagem!

Se precisar de orientação para achar seu hotel, veja nossas dicas aqui.



Comentários do Facebook

Comentários do Blog

Deixe seu Comentário






© 2006-2018 | A Janela Laranja - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Dintstudio
×Fechar