Beach Park com filhos pequenos

Voltei ao Beach Park com minhas filhas! Desta vez, durante as férias de julho. Os dias estavam lindos, com muito sol e o céu azul quase sem nuvens do Ceará. Vou te contar como foi curtir o parque com a Vitória de 5 anos e a Giovana de 2 anos.

O Beach Park é perfeito para quem gosta de água, piscinas e uma boa dose de adrenalina. O parque tem atrações para todas as idades. Elas estão divididas em Família, Moderadas e Radicais.

O parque fica na praia de Porto das Dunas, a cerca de 40 minutos de Fortaleza de carro.

Atrações!

Vou começar te mostrando as opções para as crianças menores, que tem menos de 1 metro de altura e não pagam para entrar.

A principal atração para elas é o Acqua Circo, que tem 53 brinquedos, e foi a que fomos primeiro! Com muita cor, piso macio e água por todos os lados, este espaço agrada muito os pequenos.

Perto do Acqua Circo tem outras áreas que eu recomendo. A área da Arca de Noé, tem cascatas, escorregadores em formato de bichos e muitos esguichos. E só pode ser utilizada por crianças até 12 anos.

A Ilha do Tesouro, também é legal para os maiores de 1 metro. Tem um navio pirata, serpentes com escorregadores e canhões de água, tudo bem fácil para as crianças brincarem.

Outra atração que a Giovana adorou foi a Correnteza Encantada, onde “relaxou” nas bóias. Essa atração serve para os adultos também e dura cerca de 7 minutos.

Beach Park - Correnteza Encantada

Laranjinha na Correnteza Encantada

Já a Vitória começou a se interessar por atrações um pouco mais movimentadas como o Maremoto, a grande piscina de ondas, que ligam a cada 30 minutos.

Fui com ela até o fundo e nos divertimos com a força da água. O Maremoto é legal para quem já sabe nadar.

Beach Park - Maremoto

Desta vez, a Vitória já está com mais de 1m10 de altura e já pode ir em alguns brinquedos radicais para ela.

Ela adorou dois: a descida com bóias do Acqua Baby e o Acqua Show.

No Acqua Baby, você precisa subar uma ladeirinha com uma bóia grande. A Vitória gostou tanto que já subíamos com 2 ou 3 bóias e ela descia escorregando e subia correndo para ir de novo. Acho que ela escorregou umas 20 vezes!

No Acqua Show, ela desceu várias vezes os 8 tobogãs, se achando a menina mais corajosa do mundo. Enquanto isto, a Giovana brincava nos esguichos.

Nesta atração, um balde enorme vira 1.800 litros de água fazendo a festa do pessoal que fica embaixo.

Beach Park Acqua Show

Guarde um bom tempo para o Acqua Show, pegue um espreguiçadeira por ali e combine com seu filho para não sair dessa atração e passar de tempo em tempo para dar um alô.

Falando sobre esse cuidado, vale uma dica. Bem ao lado da entrada fica uma mesa com uma funcionária do parque que ajuda as crianças que se perdem e são levadas para lá. A dica é passar lá na hora que chegar e pedir uma pulseira de identificação. Você escreve seu nome, celular e, caso a criança se perca, é mais fácil de te achar.

Para criança de até 6 anos essas atrações que eu comentei já ocupam o dia todo.

Adrenalina e atrações para crianças maiores.

E se você gosta de adrenalina, tem que aproveitar as opções radicais do Parque. A estrela do Beach Park, e principal atração para os amantes de adrenalina, é o Insano que tem 41 metros de altura – o mesmo que um prédio de 14 andares e atinge 105 km/ hora.

Há também o Arrepius, a atração mais nova do parque com 5 grandes toboáguas e uma “tigela” para os mais radicais.

Beach Park Acqua Show

Alimentação

Com certeza você passará horas no Beach Park e precisa programar as refeições, principalmente se for com criança pequena, como no meu caso.

Há quiosques espalhados por todo o parque com espetinhos, sanduíches, pizzas, pipoca, sucos e, claro, muito sorvete!

Essas opções eu usei para “enganar” a fome, para aquele lanchinho entre o café da manhã e o almoço e antes do final da tarde.

Na hora do almoço optei pelo restaurante self service, por quilo, que fica ao lado do Acqua Circo. Lá é possível encontrar comida mais saudável e o suco natural feito na hora é ótimo.

Estrutura

Todo o consumo no parque é feito com um cartão pré pago ou com a chave do quarto, se você estiver hospedado em um dos hotéis do complexo. Isto facilita bastante o dia no parque porque você não precisa se preocupar em não molhar sua carteira. Se você não usar todo o valor que colocou no cartão pré pago, pode ressarcir o dinheiro ou usá-lo nos 6 meses seguintes.

Sem precisar usar a carteira ou celular durante o dia no parque, achei o aluguel do armário uma ótima opção. Estava com uma mochila média e aluguei um armário pequeno por 3 dias. Valeu super a pena.

Ficamos só com os chinelos e uma toalha para as meninas. Passamos no armário de vez em quando para reforçar o protetor.

Como nos parques de Orlando, para saber em quais brinquedos os pequenos podem ir, procure umas destas réguas pelo parque e se localize pelo mapa. Mas o melhor jeito de se sentir seguro para deixar seu filho brincar em alguma atração é olhar as outras crianças do mesmo tamanho brincando.

É bom dizer que o parque conta com ambulatório equipado com aparelhos, medicamentos e uma equipe de profissionais para ajudar caso algo aconteça.

Depois de um dia no parque aproveitando tudo isso que te contei e mostrei no vídeo, com certeza as crianças estarão exaustas e você também! Mas a euforia delas vai ter feito o dia valer muito a pena!

Os ingressos para o parque custam R$140 para adultos ou R$130 para crianças. O passaporte para 3 dias custa R$179 e o para 7 dias custa R$189.

Beach Park

Marcio viajou com apoio da Litoral Verde e do Beach Park



6 comments

Deixe seu Comentário

×Fechar