Buenos Aires: Pontos turísticos de cidades vizinhas – Um roteiro de sete dias no país vizinho

540
0

Se tua estada em Buenos Aires vai ser de uma semana te aconselho este roteiro que inclui quatro dias na cidade e uma visita a três cidades vizinhas, Colônia do Sacramento, La Plata e Tigre.

> Veja também: Buenos Aires mês a mês. Veja o que aproveitar de melhor em cada época do ano!

> Confira: Buenos Aires, muito mais que tango e futebol!

Estas cidades estão próximas de Buenos Aires e os trajetos duram mais ou menos uma hora para chegar a cada um destes lugares, mas como tem muita coisa para ver nelas e é melhor separar um dia para cada uma delas.

Apesar da cidade de Colônia do Sacramento estar no Uruguai, você demora apenas uma hora em barco até a cidade e Buenos Aires está muito mais perto do que Montevidéu, que fica a seis horas de ônibus de Colônia.

Colônia é a única cidade uruguaia de colonização portuguesa, eu preparei um texto sobre quando visitei a cidade para que vocês possam curtir o lugar. Lá tem um forte maravilhoso, restaurantes e uma beira-rio linda.

O centro histórico é todo conservado e a sensação de nostalgia é mais real do que a de alguns edifícios em Buenos Aires, isto porque as vielas e ruas do centro histórico também continuam com os paralelepípedos de mais de cem anos.

Para quem tiver com tempo na viagem vale a pena dormir uma noite na cidade e voltar na outra tarde, conto mais para vocês no texto que fiz sobre a cidade e também como funciona o transporte até lá.

Lá no roteiro de cinco dias deixei mais duas opções para dias fora da cidade, o Zoológico de Lujan e o Parque de diversões tecnológico, Tecnópolis. Dá uma olhadinha para ver as outras possibilidades de passeios.

Vamos ao nosso roteiro!!!


> Uma Argentina escreveu dicas dos melhores hotéis para ficar em BUENOS AIRES!


> Compre um Chip Internacional e fique conectado a viagem toda!

Vale a pena o primeiro dia de passeio caminhando pelo centro de Buenos Aires

Buenos Aires Roteiro

No roteiro de um dia, eu contei para vocês sobre os principais pontos turísticos do centro, lá tem as dicas de como fazer esse roteiro caminhando, para quem vai fazer o roteiro de sete dias é legal prolongar a visita pelo centro por um dia inteiro, assim pode você pode visitar mais alguns lugares e fazer suas visitas e fotos com mais tranquilidade.

O que vale a pena é fazer o roteiro até a região dos tribunais no seu primeiro dia, neste primeiro dia você já irá entender toda a magia de Buenos Aires.

Lá também tem dicas sobre o Teatro Colón, o Porto Madero, Caminito e o bairro de San Telmo, mas deixe estas atividades para seu segundo dia, afinal você vai ter mais tempo e mais prazer visitando a cidade.

San Telmo e Porto Madero, as duas Buenos Aires

Se você chegou em um sábado, faça este trajeto no segundo dia, ou seja, no domingo. Este é o único dos percursos que tem um dia específico que é melhor para fazê-lo.

Então, mesmo que não seja seu segundo dia, o melhor é transferir estas atividades para o domingo na semana que você estiver por Buenos Aires. Este trajeto tem distâncias mais longas, vai ser melhor usar táxi, uber ou ônibus, em um roteiro que preparei de como se locomover em Buenos Aires tem a linha e o trajeto de ônibus de cada trajeto.

Palermo e Recoleta, todo o glamour portenho com direito a jardim 

Buenos Aires Roteiro

O terceiro dia pode ficar reservado para o bairro de Palermo, perto dele também estão o Jardim Japonês e o Botânico.

Acrescente o bairro da Recoleta e vai ser um dia fantástico com o mais glamouroso de Buenos Aires. Local indispensável para o roteiro!

Este roteiro completo está em um texto que preparei para os visitantes que vão só por um final de semana, lá você vai encontrar um texto com o título segundo dia, os emblemáticos bairros de Palermo e Recoleta.

> Compare o preço e alugue seu carro nas melhores locadoras!

As compras que valem a pena fazer em Buenos Aires

Buenos Aires Roteiro

Para seu quarto dia, elaboramos um bom roteiro para compras em Buenos Aires, a Rua Florida que tem esse nome pelos canteiros centrais ocupados por flores é um paraíso para nós brasileiros.

Lá você encontra roupas, relógios, bolsas e sapatos em couro com preços bastante mais competitivos que no Brasil.

Para os que não se importam em comprar réplicas, alguns boxes vendem relógios, obviamente muito mais baratos. Mas se você prefere os originais, escolha uma loja mesmo, não arrisque com compras nestes boxes.

Outro centro de compras em Buenos Aires está no Cerrito que é uma parte que pertence ao bairro de Palermo cheia de outlets, para chegar da Rua Florida até lá o melhor é tomar a linha B do metrô e descer na estação Malabia, chegando você vai descer na Avenida Corrientes, caminhando no sentido contrário do que vem os carros você caminhará três quadras até a Rua Serrano, está é a rua que está a maior parte dos outlets, algumas travessas também tem lojas de grandes marcas.

Depois das compras a mais ou menos a umas dez quadras da Avenida Corrientes está a Praça Serrano, lá poderá encontrar todo tipo de picadas (nome que os argentinos usam para o que chamamos de petiscos em português), cervejas e pizzas.

Dicas de compras em Buenos Aires:

> Galerías Pacífico – Bisnagas de sabão da VZ Bath & Body

> Achado no Free Shop de Buenos Aires

> Compras em Palermo, Buenos Aires

> Onde comprar tênis em Buenos Aires?

> Compras na Recoleta, Buenos Aires

> Dicas de compras no centro de Buenos Aires

> Outlets em Buenos Aires

La Plata, conhecendo o país mais a fundo

A cidade de La Plata está a aproximadamente sessenta quilômetros de Buenos Aires, a cidade é a capital da província de Buenos Aires. Aqui vai uma curiosidade, Buenos Aires na verdade é o nome da província, nossos hermanos não têm Estados como nós e sim províncias, que tem funcionamento parecido com nossos Estados brasileiros, mas com um pouco menos de autonomia para elaborar leis e cobrar impostos.

O centro histórico de La Plata conta com museus e centros culturais, além das típicas praças e parques do país vizinho.

Você pode chegar lá de ônibus, há opções intermunicipais e a estrada está em perfeito estado, são pistas triplas para ida e volta de Buenos Aires a La Plata.

Outra opção, para aproveitar bem no roteiro de Buenos Aires, é ir de trem e descer no meio de tudo isto na estação La Plata, são sessenta quilômetros, mas os trens argentinos são muito mais confortáveis que nossos trens urbanos, eu diria que melhor que o metrô tanto das capitais brasileiras, quanto da própria cidade de Buenos Aires.

Os ônibus e o trem saem do mesmo complexo, é a estação Constitución. A linha 129 faz parada na praça que está em frente a estação, já se você for embarcar no trem, a linha é destino La Plata mesmo, e você descerá na última estação deste ramal.

Na minha opinião, vale tanto a visita à cidade vizinha quanto o trajeto em trem, no caminho você vai poder ver campos de golfe, campos e vários vilarejos.

Outra opção seria alugar um carro e curtir a estrada!

> O seguro de viajem ideal: Aproveite a nossa promoção!

Tigre, a cidade de ilhas

Tigre é uma das cidades da grande Buenos Aires. A cidade é composta por ilhas, então no lugar de ruas, o que temos são rios. Isto mesmo, você vai de um ponto a outro em barcos.

Para chegar a Tigre você pode alugar um carro por um dia ou ir até a cidade de trem, o que eu acho mais conveniente, para ir descobrindo também outras cidades que o trem passa no caminho. Os trens rumo a Tigre saem da estação Retiro e como comentei são bastante confortáveis e você chegará bem no centro da cidade em mais ou menos uma hora.

Há também opções de traslados desde Buenos Aires, que incluem um dia inteiro de atividades em Tigre e almoço, estes pacotes custam em torno de 2.500 pesos argentinos, o que equivalia em setembro de 2019.

Todos os pontos turísticos de Tigre estão listados no texto que fiz para os viajantes que vão ficar cinco dias.

Placas e indicações para seu retorno a Buenos Aires

Buenos Aires

Deixo aqui algumas dicas para quem optar por alugar carros para ir às cidades de La Plata e Tigre. Colônia não vale a pena alugar carro, porque grande parte do trajeto é no barco e mesmo que você fosse de carro por balsa, o centro é pequeno e muito difícil de andar de carro pelos paralelepípedos, então para ir lá o barco é a melhor opção.

Dentro da província de Buenos Aires está a Cidade Autônoma de Buenos Aires, é uma área como nosso Distrito Federal, e é essa cidade a que nós e todos turistas e argentinos chamamos de Buenos Aires, ela é a capital do país.

Em algumas placas vindo das cidades vizinhas você pode encontrar nas rodovias algumas indicações escrito CABA (abreviatura de Cidade Autônoma de Buenos Aires) ou somente Cidade Autônoma, já em propagandas, transporte público e muitas outras informações sobre a cidade que estão pelas ruas é comum que vejamos BsAs (uma abreviatura que ficou popular para designar a Buenos Aires).

Além de Buenos Aires toda essa região é plana com as rodovias em ótimo estado. Tenha atenção com os limites de velocidade porque é um pouco diferente do Brasil. Cada uma das faixas tem um limite, a maioria do trajeto apresenta três faixas, na da direita você pode circular com velocidade máxima até 90 quilômetros por hora, a segunda até 110 e a terceira até 130.

Retornando ao aeroporto, após ter aproveitado boas dicas de nosso roteiro, o que te sobra é se despedir de Buenos Aires, com a certeza de que irá voltar.

> Compre, agora mesmo, a sua passagem com descontos especiais!

Confira, ainda, mais atrações em Buenos Aires:

> Conheça o MALBA em Buenos Aires

> Sua visita ao cemitério da Recoleta nunca mais será a mesma!

> Visite a Plaza de Mayo às quintas-feiras!

> Museu dos Beatles em Buenos Aires

> 5 passeios para fazer em Buenos Aires no feriado.

> O que fazer na Recoleta em Buenos Aires

> O que ver no centro de Buenos Aires

> Qual melhor show de tango em Buenos Aires?

> Onde ficar em Palermo, Buenos Aires

> Buenos Aires de bicicleta elétrica

> Buenos Aires a noite, vá para os bares de Palermo

> Fim de semana em Buenos Aires, um vídeo com dicas!

> Marriott Plaza Buenos Aires



Deixe seu Comentário

×Fechar