Conheça a Casa de Anne Frank em Amsterdã

80
2

Quando se fala em Amsterdã, na Holanda, muito provavelmente o que passa na sua cabeça são as festas, a liberdade, a cerveja Heineken, a maconha e a Red Light District. Mas a cidade viveu um período sombrio e complicado durante a Segunda Guerra Mundial, afinal foi um dos tristes palcos da “purificação” nazista. Localizada em frente ao Canal Prinsengracht, está a casa onde Anne Frank, sua família e mais quatros judeus se esconderam.

As filas são enormes e não é raro ver pessoas passarem horas esperando para entrar e não conseguirem graças ao horário de fechamento. Por isso a dica é já estar na fila quando o museu abre, às 9h da manhã. O trajeto dentro da casa pode ser feito em uma hora, passando por todos os cômodos, vendo os vídeos interativos com entrevistas de pessoas que conheceram Anne Frank ou a ajudaram de alguma forma.

Mas, o ponto alto do passeio é conhecer o sótão onde a família de Anne Frank se escondeu, o seu quarto todo enfeitado com fotos recortadas de revistas e trechos do diário espalhados por todo o trajeto. No fim do passeio há um espaço dedicado à guerra, onde você consegue entender melhor o que foi este período, como eram os campos de concentração e o destino de cada um dos personagens do diário de Anne Frank.

Quando a guerra acabou, em 1945, Otto Frank, o pai de Anne, passou a esperar na Estação Central a chegada das duas filhas. Foi assim que ele encontrou um conhecido que lhe trouxe a triste notícia de que ambas haviam morrido. Desde então ele se dedicou a restaurar a casa onde se esconderam como um símbolo da luta dos judeus. O museu abriu suas portas em 1960.

Os ingressos custam 9 euros para adultos, 5 euros para crianças de 10 a 17 anos e 50 cents para menores de 10 anos. O museu abre diariamente das 9h às 20h.

Anne Frank

O ajanelalaranja.com viajou para Holanda a convite da Holland Alliance



2 comments

  1. erika Krugel 7 junho, 2013 at 23:25 Responder

    A fila é para entrar ou para comprar o ingresso? Será que se comprarmos o ingresso com antecedencia ameniza o tempo de espera?

Deixe seu Comentário

×Fechar