Fazenda Capoava, veja como é passar um final de semana lá.

1002
0

Atualizado em 06/01/2017

Voltamos ao Hotel Fazenda Capoava depois de 5 anos. Estivemos lá quando a Vitória, tinha começado a andar e achamos aquele imenso gramado em frente à casa principal lindo e delicioso para ela praticar seus primeiros passos. Na época, adoramos a tranquilidade e o contato com os animais também. Antes de começar quero te contar que já voltamos na Capoava de novo. Se quiser ver o post mais recente, clique aqui. 

Agora com as duas Laranjinhas, Vitória com 6 anos e Giovana com 3 anos, passamos um final de semana delicioso por lá. Uma figueira, que acredita-se mais antiga que o descobrimento do Brasil, nos deu as boas vindas.

O lugar é incrível, com muita natureza e história. A Fazenda tem cerca de 250 anos, passando por fazenda de café, cana e gado. Em 2000, a parte histórica foi transformada em um hotel, preservando o lindo casarão de meados de 1750, construído em taipa de pilão e sua charmosa capela. O bacana é que o clima de fazenda é mantido, mas com todo o conforto de um hotel de luxo.

Muito do que lembrávamos permaneceu, mas percebemos que algumas melhorias foram feitas e continuam a acontecer. Ficamos desta vez, em um dos 5 chalés do Chalé Figueira, os mais novos do hotel e soubemos que o restaurante está também sendo ampliado, anexo à casa principal. O Espaço Memória, um museu sobre a história da fazenda e da região, também foi todo remodelado.

Fazenda Capoava fachada

Uma curiosidade que percebemos é que havia pelo menos 5 famílias de estrangeiros aproveitando o final de semana por lá. Para o casal de alemães, com duas filhas pequenas, a Capoava é um “pedaço do paraíso” e eles estavam lá pela terceira vez. Para a mãe austríaca, mãe de dois meninos adolescentes, ela volta sempre por causa dos monitores (um deles falava inglês).

O final de semana estava lindo, com o céu azul e uma lua cheia incrível. O que tornou o a estadia ainda mais agradável.

Fazenda Capoava arvore por do sol

Fazenda Capoava coqueiro por do sol

Vou te contar um pouco sobre como foi o final de semana por lá!

Para se divertir

Recreação, monitores e “clubinho”– Achamos os monitores muito bem preparados e em ótimo numero para a quantidade de crianças. Deu para perceber que os monitores são profissionais da área (um deles já tinha até sido monitor de uma excursão da escola das meninas) e fazem parte de um “quadro fixo” da Capoava. Isto faz bastante diferença. São atenciosos e animados.

O que achamos muito bacana é que eles aproveitam muito bem a área externa do hotel e o contato com os animais que vivem por lá. Os monitores fazem muitas brincadeiras ao ar livre, no gramado em frente ao casarão e na região do lago, em frente a ilha dos macacos. Isto foi excelente em um final de semana de céu azul, mas ficamos na dúvida em como os monitores “se viram” em finais de semana chuvosos.

Não há um “clubinho” com brinquedos, mas uma grande sala (muito bonita por sinal com um pé direito bem alto), com uma piscina de bolinhas, mesa de sinuca, TV e alguns poucos jogos. Este parece ser o espaço principal em dias de chuva.

A programação, pelo menos fora de temporada, acontece das 10-12hs; das 14-17:30hs e das 20:30-22hs. Apenas crianças maiores de 5 anos podem ficar desacompanhadas.

Fazenda Capoava Cavalo Vi

Para os maiores, o lago é irresistível com passeios a caiaque, stand up paddle e bóias. Ou simplesmente para um mergulho na água limpíssima e gelada dos lagos!

Fazenda Capoava Lago

Animais – os bichos da Capoava são uma atração super legal para as crianças. Além dos cavalos, há araras, tucanos, papagaios, macacos prego e sagüis, cobra, coruja e bichos da fazenda, como galinhas, galos, patos, gansos, porcos e carneiros.

Os animais silvestres são entregues pelo próprio IBAMA, pois a Fazenda Capoava está cadastrada como Mantenedor de Fauna Silvestre e recebe animais que são apreendidos em ações de fiscalização e que estão sofrendo maus-tratos e/ou não são do interesse de zoológicos. Depois de recuperados, há tentativas de reintegração ao meio ambiente, mas nem todos se readaptam e acabam permanecendo na fazenda. Alguns macacos, que ficam em uma ilha, já nasceram lá mesmo. Há uma atividade chamada “roteiro dos bichos” com cerca de 2 horas, onde os monitores, muito bem preparados e familiarizados com os animais, explicam sobre os hábitos de cada um deles. As crianças podem tocar os bichos e ficam encantadas!

Fazenda Capoava Araras

Fazenda Capoava Tucano

Cavalos – os cavalos, cavalgadas e aulas de equitação são, com certeza um diferencial do hotel. Acho que é o melhor hotel que já visitamos neste sentido, não sendo um hotel focado apenas em equitação. As cavalgadas são passeios por trilhas, dentro e fora da fazenda, de 30 min a 3 horas de duração, acompanhadas por um guia. Todos os dias há a cavalgada infantil, com 30 minutos de duração e em uma trilha mais tranquila. A Vitória amou e fez os dois dias. Os cavalos para estas cavalgadas são bem mansos e o pessoal que cuida dos cavalos, acompanham as crianças menos experientes. A Giovana poderia ter andado acompanhada por mim, mas preferiu o passeio de pônei e se achou a amazona!

Quando estivemos lá, houve a cavalgada ao luar para os adultos. Esta cavalgada é longa, cerca de 3 horas, e começa antes do pôr do sol. A lua aparece enorme nas trilhas e depois vai iluminando todo o caminho.

Para as aulas de equitação há uma parceria com a Jequitibá Centro Hípico, complexo que fica ligado ao hotel.

As atividades com os cavalos são pagas à parte. A cavalgada infantil, por exemplo, custa R$ 50,00.

Fazenda Capoava cavalos pb

Para adultos também – com certeza este é um lugar de paz e descanso. Eu achei incrível como já desaceleramos do ritmo da cidade grande logo quando chegamos. Muitos lugares para ler e descansar, café da tarde com clima de fazenda, lindo cenário. As cavalgadas, aulas de equitação e caminhadas diárias são as principais atividades para quem quer se mexer um pouco. Há também a quadra de tênis, aluguel de bicicletas e atividades no lago.

Piscinas – a piscina da Capoava é gostosa, mas não muito grande. O hotel tem 30 chalés e a piscina é de uso exclusivo dos hóspedes (pessoas que passam apenas o dia não podem usá-la). Como fomos em um final de semana não muito quente, a piscina comportou bem a quantidade de pessoas (crianças que não sentem frio!), mas fico imaginando que deve ficar bem cheia em finais de semana de muito calor. A temperatura da água, climatizada, é mais para fria. A piscina não tem uma parte rasa para os menores, apenas uma piscininha bem pequena ao lado, mas a água estava bastante fria.

Fazenda Capoava piscina

SPA – A Fazenda Capoava tem 2 saunas e um espaço para massagens. A massagista atende com agendamento e oferece várias terapias de relaxamento.

Espaço memória – um espaço bem bacana na Fazenda Capoava é o Espaço Memória, que foi todo reestruturado há uns 3 anos. Era neste espaço, onde antes, em 1930, acontecia o beneficiamento do café. A casa em si já é bem interessante. Feita de pau a pique, abriga parte do maquinário usado nesta época para beneficiar o café. As engrenagens da roda d’água que o movia podem ser vistas por meio de uma janela de vidro no piso. A Vitória achou super interessante. Outra parte bastante curiosa são os artefatos usados no trabalho e na culinária da época, com destaque para os livros de receitas manuscritos. Os nomes dos escravos que trabalharam na fazenda também estão em destaque, bem como alguns instrumentos usados contra eles. Difícil explicar que convivemos com isto há tão pouco tempo para a Vitória…

Para matar a fome

Há apenas um restaurante na Fazenda Capoava e as refeições são feitas dentro do casarão principal, o que é bem bacana.

As refeições são: café da manhã das 08-10hs, almoço das 13-15hs, chá da tarde das 17-18hs e jantar das 20-22hs.

Fazenda Capoava Buffet

Para as crianças – Como o almoço e o jantar começam tarde para a maioria das crianças, a opção é solicitar os pratos do cardápio infantil, que são servidos das 12-12:30 no almoço e das 18:30-19hs no jantar. Precisa reservar com uma hora de antecedência e a comida estava muito gostosa. Há opções de pratos, como arroz com feijão, macarrão e carne e um cardápio com 3 opções de papinhas. Tudo estava muito saboroso e funcionou bem.

No horário do chá da tarde, há bolos, pães e biscoitos feitos lá mesmo e as crianças curtiram também. Os monitores aproveitam este chá para um piquenique no lindo gramado.

Restaurante principal – o cardápio é de culinária brasileira e bem preparado. A comida estava saborosa, principalmente na feijoada do domingo. Há sempre opções de saladas, massa, peixe e outra carne. Alguns pratos estavam bem gostosos e outros poderiam ser melhores, como a picanha que estava um pouco seca. A seleção de vinhos é exclusivamente brasileira, o que achei bem interessante.

A infra que facilita a vida

Copa do Bebê – Na Fazenda Capoava não há uma estrutura para pais e mães fazerem a comida ou lavarem mamadeira, a Copa do Bebê. Por outro lado, os funcionários são muito solícitos em lavar as mamadeiras e utensílios do bebê, conforme a indicação dos pais. Há frutas disponíveis também quando solicitado.

Quarto – há 4 categorias de quartos, que variam no tamanho e pela distância da casa sede: Chalés da Capoava, Chalés do Lago, Chalés da Colônia e Chalés Figueira. Ao todo são 30 chalés, equipados com frigobar, ar condicionado, cofre, TV de LCD, telefone, Wi-fi, sala de estar e lareira. Ficamos no Chalé da Figueira, os mais novos do hotel. Achamos o quarto ótimo! Super espaçoso, confortável e de bom gosto. A solução para a cama das crianças também é ótima, pois há duas camas Box, muito boas, que viram um grande sofá e são montadas com grades a noite. Muito mais confortável do que as usuais camas extras dos hotéis. O chuveiro era bom, mas com alguns problemas com a temperatura, que oscilou bastante. O quarto, com certeza, foi um ponto super positivo na nossa estadia.

Fazenda Capoava Suite

Fazenda Capoava Suite cama

Fazenda Capoava Suite cama casal

Fazenda Capoava Suite banheiro

Carrinho – dificilmente você conseguirá usar o carrinho por lá e talvez nem precise mesmo. O chão é quase todo gramado ou de pedras e os chalés mais distantes ficam a 180m da casa principal. Há uma boa rampa para acessar o casarão, onde são servidas as refeições, caso o bebê durma durante o jantar e você opte pelo carrinho.

Babá – não há serviço de babá disponível. 

Posto Médico – não há atendimento na Fazenda, mas a cidade de Itu fica a 24km da Capoava.

Serviço:

Fazenda Capoava

Localização: km 89,9 da Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto (Antiga Rodovia Marechal Rondon – saindo de SP, com acesso na saída 59 da Rodovia dos Bandeirantes)

Bairro do Pedregulho – ITU/SP

Telefone para reserva: (11) 2118-4100 / (11) 2118-4155 ou reservas@fazendacapoava.com.br

Diárias: de R$ 964,00 a R$ 2.415,00 (consultado em ago/15)

Site: fazendacapoava.com.br

Marcio e sua família se hospedaram a convite da Fazenda Capoava.

Siga nosso Instagram e veja antes as imagens das nossas viagens!

Assine nosso canal no YouTube! Clique aqui!

Não perca nosso Snapchat e Periscope – @ajanelalaranja



Deixe seu Comentário

×Fechar