Filme “Pais e Filhos” estreia nesta sexta-feira

498
0

Recebi o convite para ver o filme “Pais e Filhos” antes da estréia para te  contar o que achei aqui no blog. Como a Denise conhece muito mais de cinema do que eu. Pedi para ele assistir e escrever para nós. Ela topou, veja!

O vencedor do prêmio do júri no Festival de Cannes 2013 estréia nesta sexta-feira. Eu já assisti e posso dizer que vale a pena conferir.

Dirigido por Kore-eda Hirokazu, o drama japonês conta a história de duas famílias que descobrem, após seis anos, que seus bebês foram trocados na maternidade. A partir daí vários questionamentos começam a surgir. Será que ser pai significa ter o mesmo sangue ou pai é aquele que cria?

A discussão é bastante latente ainda hoje em nossa sociedade, o que faz com que o filme se aproxime muito da realidade com verossimilhança. O sangue realmente é tão forte para determinar que o filho se torne igual ao seu pai biológico mesmo após ser criado por outro homem? Ou nós temos a tendência a ficar mais parecidos com as pessoas que vivem com a gente, seja esposo, amigo, pai ou filho?

Depois de assistir ao filme, é impossível não se colocar naquela situação. Como você agiria se isto acontecesse com você? O desfecho do filme foi algo previsível para mim, porque trata-se da decisão que eu tomaria. Mas, acho que o interessante sobre o filme é exatamente isso. Esta diferença de decisões, já que cada uma delas implica em perdas e ganhos, mas não representa o certo e o errado.

Vale a pena assistir a este belíssimo filme e se deixar levar pelas emoções destas discussões. Quem tem filhos vai sentir ainda mais o peso emocional que o filme propõem. Filmão ótimo para fechar o ano com chave de ouro.

Filme Pais e Filhos

Pais e Filhos – Divulgação



Deixe seu Comentário

×Fechar