Mochilão em Berlim. Vive bem quem come bem!

82
2

Atualizado em 05/12/2012

Quando se pensa em Alemanha e em Berlim, pode-se pensar tudo menos que é um lugar onde não se gasta muito. Mas essa é a realidade.

A começar pelo fato de que os alemães gostam de comer bem. Então você paga 15 euros em um jantar que você nem aguenta terminar. Portanto, fica a primeira dica: peça sempre um prato para duas pessoas para economizar. Dificilmente você irá se arrepender.

A comida em Berlim é ótima e tem de tudo. Mas o que há de mais especial por lá, por incrível que pareça, é a comida indiana.

Por haver muitos imigrantes da Ásia, é comum ver restaurantes dessas cozinhas, como tailandesa e vietnamita. Mas o numero de indianos é realmente alto, então você encontra facilmente um lugar de comida verdadeiramente indiana, com donos, funcionários e decoração indiana.

Além da comida maravilhosa e ambientes que te transportam direto para a terra dos aromas e cores, os pratos sempre chegam muito rapidamente à mesa. Então, não há stress de espera.

Museu Berlim

Como tudo é grande em Berlim, aguardar uma mesa também é algo que não costuma acontecer.

E se você é do tipo que, como eu, gosta de conhecer os supermercados dos lugares para onde viaja, não deixei de visitá-los quando estiver lá. Eles são enormes e são lotados de tudo que você pode imaginar ou precisar. Tem corredores inteiros com queijos e frios de todos os tipos, chocolates, pães, cervejas do mundo todo… Pense em algo e você irá encontrar.

PARLAMENTO BERLIM

Esse é um bom jeito de economizar, pois além de tudo ser muito barato, é tudo delicioso. Os alemães sabem o que colocam em seus pratos.

Portanto, visite Berlim se você é do tipo que gosta de comer bem e gastar pouco.

Veja mais dicas da Alemanhã clicando aqui!

Texto da Adriana Blanco para o ajanelalaranja.com. Imagens Marcio Nel Cimatti



2 comments

  1. Robson Dombrosky | viajenaimagem.com 18 dezembro, 2012 at 21:00 Responder

    Acho que não é só em Berlim que se come bem e barato, mas na Alemanha como um todo. Nós brasileiros, acostumados a pagar os maiores impostos da face da terra em qualquer produto que compramos, acabamos mesmo nos surpreendendo com os preços baixos e a excelente qualidade dos produtos nas prateleiras dos mercados de lá. De minha parte, estive lá recentemente e devo ter voltado com uns 5 kg a mais do que quando fui.

Deixe seu Comentário

×Fechar