Morar no Canadá, casal conta o que aprendeu

1702
0

Atualizado em 25/11/2020

Fala, pessoal. Vou compartilhar com vocês a nossa experiência de Morar no Canadá, em Toronto. Além disso, temos indicações do que poderíamos ter feito de diferente quando chegamos e quais as nossas impressões.

Lembrando que são minhas e da minha esposa. Não quero dizer que pra todos serão as mesmas.

Você vai ler!

1- Chegamos! O que fazer? Trouxemos até nossas filhas de 4 patas!
2- Qual banco e agência abrimos conta.
3- Carteira de motorista.
4- Comprando carro.
5- Roupas de inverno: compramos no Brasil ou Canadá?
6- Processos de imigração.
7- Inglês bom importa tanto assim?
8- Perfil dos canadenses.
9- Arrependimentos?

Morar-no-Canada
Ana Luisa Boechat e Anthony Bianchi – Imagem  Victor Boechat

1- Morar no Canadá – Chegamos em Toronto! O que fazer?

A primeira coisa a ser feita é tirar uma Photo ID. Com ela, você pode abrir conta em banco, que deve ser sua prioridade. Se você estiver trazendo seu animal de estimação, dependendo do tamanho, vai precisar comprar um Kennel (Petmate Sky Kennel Pet Carrier, por exemplo). A Air Canada só aceita esse tipo, então nada de comprar um tipo diferente desses.

Compre também seu cartão PRESTO. Qualquer máquina de autoatendimento nas estações tem a opção. Ele servirá para você usar o transporte público. Tem opções de carregamento avulso ou 150 dólares por mês sem limite de uso.

2- Morar no Canadá – Abrir conta no Banco em Toronto

Sugiro procurar a agência do CIBC que fica na Ossington com a Bloor. Lá sempre tem um gerente brasileiro para aqueles que estão melhorando o inglês ainda.

Foi lá que abrimos nossa conta e não nos arrependemos. Você vai precisar de Credit Score pra tudo, então sempre pague em dia sua fatura do cartão de crédito.

3- Morar no Canadá – Como tirar sua Carteira de motorista.

A segunda coisa é tirar a carteira de motorista. Para tal, vá ao consulado brasileiro para pedir o histórico.

Você vai precisar de uns documentos fotocopiados.

No primeiro andar tem uma portuguesa que tira as cópias (meio careira) caso você já não as tenha, que são: sua carteira do Brasil e passaporte (se eu me lembro bem. Confira se são esses mesmos). O histórico demora uns dias, mas chega certinho (já peça traduzido).

Faça a prova de carteira G1. Existem aplicativos de simulados para a prova que são muito bons. Procure pelos mais bem avaliados. Existem vários locais de prova (que pode ser em português de Portugal também). Eu escolhi fazer um pouco mais afastado do centro de Toronto. Menos gente, quase sem fila e tranquilo. Lá você já apresenta seu histórico traduzido (assim pode fazer o teste de trânsito para a G direto). Leve seus documentos, incluindo a sua CNH do Brasil.

Para fazer o teste da G, eu sugiro dar um pulo lá na Alves Auto Escola (+14166542180). Ele é português e tem instrutores que vão te preparar para prova de trânsito.


Procure sua passagem para o Canadá agora!


4- Como comprar Carro em Toronto

Compramos com o André Ribeiro da Autopark (+1 (647) 217-3551). O atendimento é excepcional e já te indicam seguradoras. Ótimos carros e preços. Opte por carros mais novos sempre, mesmo que sejam mais básicos. Aqui mecânico é meio caro…

Opte também por um modelo All Wheel Drive ou 4×4 por causa da neve. Isso faz muita diferença. Se pegou um modelo sem isso, no inverno invista em pneus próprios.


Nunca viaje sem Seguro, faça sua cotação e feche seu seguro com desconto usando o cupom AJANELALARANJA5


5- Roupas de inverno: Comprar no Brasil ou no Canadá?

Compre suas roupas aqui em Toronto ou no Canadá. Os preços são muito melhores e a qualidade é imbatível. Os casacos do Brasil não aguentam o frio canadense.

Claro, compre o básico só para sair do aeroporto. Lugares com preços bons são o Dufferin Mall e Outlets (apesar de achar mais barato no Dufferin Mall). Casacos entre 60 e 100 dólares que são muito bons estão sempre disponíveis.

Botas de inverno eu indico a marca Sorel. São mais caras mas valem cada centavo.

Morar-no-Canada

6- Morar no Canadá – Processo de imigração.

Tenha uma boa assessoria caso decida por fazer assim. Um grande destaque para Laura da CI Toronto (+16472455842) que foi literalmente um anjo pra gente.

Tudo relacionado ao college foi ela quem resolveu. Literalmente tudo! Extremamente atenciosa e profissonal!

Tenha mínimo dois planos de imigração ativos ao mesmo tempo. As coisas podem sair do trilho mais rápido do que você espera.

Ter planos B, C, D, etc, é extremamente importante. Se possível, tenha sempre uma segunda opinião sobre o processo.

7- Morar no Canadá – Nível de Inglês.

Eu tenho inglês fluente, no entanto acompanho diversas pessoas no dia a dia que estão melhorando seu. A maioria dos canadenses é extremamente paciente, mas eu sempre indico que você melhore a língua.

Faça cursos, estude, se esforce que o resultado vem. Isso vai melhorar sua vida absurdamente.

8- Morar no Canadá – Perfil dos canadenses.

A maioria aqui em Toronto é extremamente gentil e educada. Só. Não espere calor humano, abraços, etc. Nós sinceramente preferimos assim (mantendo uma distância, onde cada um cuida do seu).

Eu não gosto de gente intrometida e detesto fazer sala pros outros. Se você é o contrário, leve isso em consideração e respeite o espaço alheio.

9 – Algum Arrependimento?

Por fim, podemos dizer que não nos arrependemos de ter vindo morar no Canadá (só de não ter vindo antes).

O recomeço é difícil e normalmente exige que você dê um passo pra trás, mas tenha em mente que isso vai melhorar e que depende muito de você também.

Tenha seu plano claro de onde quer chegar que o caminho se torna concreto.

No entanto, não subestime esse sentimento. Não é fácil, mas a recompensa é maior na maioria dos casos.

Que todos tenham um excelente dia e que tenham um grande futuro nessa terra nova!

O Victor Boechat e a Nayane Boechat estão há praticamente um ano em Toronto e foram muito legais de dividir essas dicas com a gente aqui no AJanelaLaranja.com

O Victor Boechat faz ensaios para turistas e para quem mora em Toronto. Gostou das imagens? Marca de fazer umas fotos com ele. Chame ele pelo Instagram – Victor Boechat



Deixe seu Comentário

×Fechar