Rio Quente Resorts com as crianças

109
0

Atualizado em 15/05/2018

Conhecemos o Rio Quente Resorts, em Goiás, um destino tradicional para ir com as crianças aqui no Brasil que ainda não havíamos visitado.

A antiga Pousada do Rio Quente, foi inaugurada em 1964 com apenas 20 quartos em uma pousada de madeira. Hoje tem o maior complexo aquático de águas quentes naturais do mundo, além de 7 hotéis e o original Parque das Fontes. A natureza da região é linda, muito verde cerca o complexo e o pôr do sol do cerrado é maravilhoso.

As Laranjinhas Vitória e Giovana, de 6 e 3 anos, curtiram muito. A Giovana não queria sair da piscina quentinha e com água sem cloro, que é trocada todas as noites no hotel Turismo.

Fomos no início das férias de final de ano, durante o Verão Divertido Cartoon Network, o que deixou a experiência mais bacana para as crianças.

A programação especial de verão, incluiu muitas brincadeiras com infláveis gigantes da turma do Cartoon, boliche humano, torta na cara, oficina de cupcakes.

Os pequenos puderam tirar fotos com Finn, Jake, Ben10 e as Meninas Superpoderosas e participar de muitas brincadeiras!

As crianças receberam um passaporte especial que foi carimbado a cada atração e ao final puderam trocar por um porta retrato com os personagens.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Hotéis

A estrutura hoteleira inclui hotéis dentro e fora do Complexo. Os hotéis que ficam dentro do Complexo são o Novo Hotel Pousada, mais próximo ao Parque das Fontes e com maior oferta de bares e restaurantes, o Novo Hotel Turismo, bem localizado entre o Parque das Fontes e do Hot Park e o Rio Quente Cristal Resort, mais novo e bastante utilizado pelas famílias que utilizam o sistema de timeshare, com uma bonita piscina de borda infinita.

Para os hotéis que ficam fora do Complexo, a cerca de 800 metros, há um sistema regular de ônibus para transporte até os parques e demais hotéis, que funciona 24 horas. Nestes hotéis, os preços são mais acessíveis e os quartos maiores, apesar de nem todos terem sido reformados.

Os hóspedes de qualquer um deles tem acesso aos 2 parques aquáticos e também aos restaurantes do Complexo. Pode-se também usar as piscinas de todos os hotéis.

Ficamos hospedados no Hotel Turismo, o segundo inaugurado no complexo, mas totalmente reformado. O quarto que ficamos era novo, com uma cama de casal e duas de solteiro. As camas bem confortáveis e a limpeza boa, com funcionárias simpáticas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Achamos a localização do Hotel Turismo a melhor entre as opções de hospedagem. É o hotel mais próximo da entrada do Hot Park e não fica distante do Parque das Fontes, apesar das rampas ou escadas para chegar até ele, pois o hotel está em uma parte mais alta. Além disto, uma das coisas que mais gostamos neste hotel, são as duas piscinas rasas, bem ao lado do restaurante e do lounge da Stela Artois, que além da cerveja que lhe dá o nome, vende lanches e sorvetes.

Piscina hotel Turismo Rio Quente

As piscinas do hotel são super gostosas e práticas para quem tem crianças pequenas. Uma excelente opção quando as crianças só querem brincar na água e você não quer se deslocar para os dois parques aquáticos. Essa dica vale para quem vai com filhos de até 5/6 anos.

Piscina hotel Turismo Rio Quente

A água das piscinas é trocada todas as noites e praticamente não tem cloro, que é apenas usado para limpar o fundo da piscina. Pode parecer um detalhe, mas para crianças com alergia a cloro como a Giovana, isto fez uma diferença enorme. Pudemos aproveitar estas piscinas sem preocupação. A água trocada volta para o Rio Quente e segue seu curso.

No Hotel Turismo também fica o único Clubinho do Complexo, o Kids Club, para crianças de 2 a 10 anos. A estrutura do Clubinho é boa, com brinquedos, espaço para TV, pula pula grande e ar condicionado (o que faz toda diferença em Goiás!).

clubinho geral

As crianças a partir de 4 anos podem ficar com os monitores, sem os pais, por um período máximo de 2 horas por dia. Mas o que elas querem mesmo é se deliciar nas piscinas, então vimos poucas crianças brincando por lá. O espaço fica aberto das 09 às 18hs.

clubinho

Assim como em todos os hotéis do Complexo, há uma Copa do Bebê no 1o. andar do prédio, com microondas, geladeira, leite e frutas. O espaço é um pouco apertado e precisava de um pouco mais de utensílios, como pratos e talheres, mas funciona bem para lavar as mamadeiras ou esquentar uma papinha, que pode ser comprada em alguns bares e lanchonetes do Complexo, como o Stela Artois Lounge e nos quiosques dos Parques.

copinha Rio quente resorts

Para a alimentação, a maior parte das reservas incluem o sistema de meia pensão. No Hotel Turismo, o restaurante Pequi oferece um bom buffet em todas as refeições. Todas as folhas e vegetais são cultivados na horta própria, sem agrotóxicos.

Duas coisas que gostamos: das opções de pratos com a culinária local e das noites temáticas. Mas, às vezes, por conta da exigência de serviço que temos em São Paulo, achamos o serviço demorado e algumas opções de comida demoravam para serem repostas. Os garçons foram bastante simpáticos no geral, mas às vezes, não conseguiam dar atenção para todo mundo.

Hotel Turismo restaurante

noite tematica

Para o consumo fora dos horários das refeições, todos os hóspedes recebem um cartão de consumo no check in, que também é a chave do quarto. Os hóspedes não usam dinheiro no Complexo, nem mesmo nas ótimas lojinhas distribuídas nos hotéis e parques e nos quiosques e bares molhados no Parque das Fontes, com lanches, bebidas e sorvetes. Isto facilita bastante.

Se você não escolher pensão completa, planeje os custos de alimentação. O almoço avulso custa em torno de R$ 80,00 e um picolé no parque cerca de R$ 10,00.

Uma dica, vimos filas grandes nos momentos de check in e check out quando os maiores grupos chegavam. Então se for em grupo já saiba disso, lembre que está de férias e tenha paciência.

Os Parques Aquáticos

A grande atração do Rio Quente Resorts são mesmo a suas águas quentes e correntes. Tudo foi criado em torno desta maravilha. São 18 nascentes de águas com uma vazão de 6,5 milhões de litros de água por hora a uma temperatura de 37,5oc.

Segundo informações do Resort, a água é usada várias vezes, indo primeiro para o Parque das Fontes. Depois de tratada, abastece os hotéis, as cozinhas, a área administrativa e a lavanderia. A água de reuso é utilizada em um sistema de irrigação automatizado e o esgoto restante é devidamente tratado em uma estação própria.

Parque das fontes piscina

Parque das Fontes

O Parque das Fontes foi o primeiro parque aquático construído no complexo e sua arquitetura é bastante integrada com a natureza encantadora do lugar. As piscinas são feitas de pedra e a água é trocada a cada 30 minutos. São diversas piscinas, tobogãs, duchas e dois ofurôs.

Parque das Fontes

Parque das Fontes Monitores piscina

A piscina que as Laranjinhas mais gostaram foi a piscina do Sapo, deliciosa para crianças. Há escorregadores pequenos para os menores e outros mais altos, que agradam muito. Como a água é quentinha e o clima do cerrado é geralmente bom, o difícil é convencer as crianças a sairem de lá. Elas brincaram muito! Essa piscina fica um pouco mais separada do resto do parque, com um bar só para ela com salgadinhos e sorvetes que garantem o lanchinho e matam a fome sem te obrigar a ir a um restaurante para os pequenos comerem no intervalo das refeições.

Piscina do sapo Rio Quente Resorts

Piscina do sapo escorregador

piscina do sapo Gi

Há cerca de 8 piscinas no Parque. Algumas delas concentram o agito com a equipe de monitores Boto, com hidroginástica e brincadeiras. Nestas piscinas, há “bares molhados” e você nem precisa sair da água para beber ou comer algo.

As duchas, que mais parecem pequenas cascatas e tem uma vazão bem forte de água, são uma delícia também e fazem uma bela massagem nas costas!

Piscina do sapo Rio Quente Resorts

Quando visitamos o Parque, os ofurôs e a sauna estavam em reforma, mas ouvi dizer que são muito agradáveis também.

O Parque das Flores funciona 24 horas. Sim, ele não fecha nunca e muitas pessoas ficam até bem tarde nas águas quentes.

Parque das fonte piscina com sombra

Como fomos nas férias, as piscinas geralmente estavam cheias, principalmente nos horários em que o Hot Park estava fechado. Chegamos em uma quinta-feira e o Hot Park estava fechado, então preferimos aproveitar as piscinas do hotel Turismo neste dia. Mas as piscinas do Parque das Fontes são enormes e a quantidade de pessoas não chega a incomodar. As meninas brincaram muito bem na Piscina do Sapo, por exemplo. Reserve um tempo para curtir o Parque das Fontes em momentos mais vazios.

Hidroginastica Rio Quente

Logo mais vou postar sobre o Hot Park, o maior parque aquático da América Latina e a principal atração da região! Acompanhe!

A família da A Janela Laranja viajou a convite do Rio Quente Resorts. 

Se você gostou, cadastre-se e reserve pelo Zarpo, eles tem condições especiais. Clique aqui!

Veja também os outros Resorts que já visitamos e escolha o seu!

No SUDESTE

Club Med Lake Paradise – Férias de Janeiro (Mogi das Cruzes – SP)

Club Med Lake Paradise – Reveillon (Mogi das Cruzes – SP)

Club Med Rio das Pedras (Mangaratiba – RJ)

Casa Grande Hotel  (Guarujá)

Quality Resort (Itupeva)

Grande Hotel São Pedro (Águas de São Pedro)

Vale Suíço (Itapeva)

Royal Palm Plaza (Campinas)

Guararema Park Resort  (Guararema)

Oscar Inn Eco Resort (Águas de Lindóia – SP)

Mavsa Resort (Cesário Lange – SP)

San Raphael (Itú – SP)

Sofitel Jequitimar (Guarujá – SP)

Canto da Floresta (Amparo – SP)

Meliá (Angra dos Reis – RJ)

Portobello Resort (Mangaratiba – RJ)

Bourbon (Atibaia – SP)

No SUL

Infinity Blue Resort (Balneário Camboriú – SC)

Mabú Resort (Foz do Iguaçu – PR)

Costão do Santinho Resort (Florianópolis – SC)

Il Campanário Villaggio Resort (Florianópolis – SC)

No NORDESTE!

Beach Park Suítes (Aquiraz – CE)

Carmel Charme (Aquiraz – CE)

Salinas do Maragogi (Maragogi – AL)

Salinas de Maceió (Maceió – AL)

Transamérica de Comandatuba (Ilha de Comandatuba – BA)

Fashion Weekend Kis Transamérica de Comandatuba (Ilha de Comandatuba – BA)

Vila Galé Marés  (Praia do Forte – BA)

Tivoli Ecoresort (Praia do Forte – BA)

Club Med Itaparica (Ilha de Itaparica – BA)

Costa do Sauípe (Costa do Sauípe – BA)

Grand Palladium (Imbassaí – BA)

Iberostar (Praia do Forte – BA)

Summerville (Porto de Galinhas – PE)

Club Med Trancoso – (Trancoso – BA)

FORA DO BRASIL

Sonesta Ocean Point somente para adultos (St Maarten – Caribe)

Secrets somente para adultos (Montego Bay – Jamaica)

Valle Nevado (Chile)

Ski Portillo (Chile)

Marriott Orlando World Center (Orlando – Florida – Estados Unidos)

Reunion Resort Kissimme (Orlando – Florida – Estados Unidos)

Disney`s Art of Animation  (Orlando – Florida – Estados Unidos)

Club Med Punta Cana (Punta Cana – República Dominicana)

Dicas para viajar no sistema All Inclusive (Tudo Incluído)



Deixe seu Comentário

×Fechar