Vale do Loire – Castelo Chenounceau

102
23

Atualizado em 06/10/2010

O castelo de Chenounceau é também conhecido como Castelo das Damas, por ter tido várias moradoras ilustres, entre elas Catarina de Médicis. Ele é um dos castelos mais bonitos, na minha opinião, principalmente por ser construído sobre o rio Cher.

Ao visitá-lo, repare na ponte suspensa, na grande porta de entrada e nas torres. Tudo com cara de conto de fadas.

Este é um dos castelos com boa estrutura para os visitantes. Lanchonete, restaurante, área para crianças e panfletos em diversas línguas, incluindo português.

No site, dá para fazer o download de um guia em inglês. Antes mesmo de chegar, já dá para se imaginar andando pelo castelo.



23 comments

  1. Daniel Vilaça 31 agosto, 2009 at 12:16 Responder

    Márcio.. beleza de Post, como sempre…

    Chenounceau tb foi um dos castelos preferidos por mim e minha noiva no ano passado…. Achei a cozinha super bacana…. ela é exatamente na parte de baixo do castelo "literalmente sobre o rio".. risos…

    Outro fato curioso deste castelo é que durante a 2ª Guerra mundial o mesmo serviu como hospital e se manteve como um ponto estratégico, pois foi umas das poucoas "pontes" que não foram destruidas. servindo para manter a resistencia aliada contra os alemaes….

    Os jardins são belíssimos tb… sendo que um jardim era de Caterine de Médici e o outro de Diana de potier… Amante e esposa do Rei Francês…. essa história é muito interessante pra quem quiser pesquisar.. risos….

    Por último, recomendo o museu de cera do castelo e a reprodução do que seria uma vila medieval…. não é o principal, mas serve como um belo "plus",,,, risos….

    Em 2008 estive nesta região, e no que eu puder ajudar vou ver se consigo contribuir um pouco com seu blog.. ok?

    Grande abraço
    Daniel Vilaça.

  2. Marcio Nel Cimatti 31 agosto, 2009 at 13:07 Responder

    Daniel,

    Muito obrigado pela contribuição. Fique muito a vontade para participar.

    Os próximos posts são dos jardins e do interior do castelo.

    Valeu mesmo!

    Abração!

    Marcio

  3. Dudu 31 agosto, 2009 at 16:53 Responder

    Márcio,

    Estou indo para a Grécia e farei baldeação em Amesterdam dia 06/09. Ficaremos por lá umas 5 horas até embarcar para Atenas. Gostaria mos de visitar o museo do Van Gogh Como vou para o museo van do aeroporto? dá para ir de trem, metro? Tem uma estação que devemos descer? Obrigada desde já. Camille

  4. Marcio Nel Cimatti 31 agosto, 2009 at 17:20 Responder

    Camille,

    Se preferir facilitar, dentro do aeroporto dá para comprar pacotes para conhecer algumas atrações da cidade e entre elas o Van Gogh Museum.

    Se for na raça, por conta própria, tem que pegar um trem no aerorporto até a Central Station e depois pegue o Tram número 5 em frente a estação central e vai descer bem perto do museu na Museumplein. É só ficar atenta que o motorista costuma avisar o nome desse ponto por ser muito turistico.

    Bjo e boa viagem!

  5. Marcio Nel Cimatti 31 agosto, 2009 at 20:43 Responder

    Camille,

    Tem pacotes de meio dia, feitos exatamente para essas situações. Fica mais fácil do que sair procurando trem, comprando bilhete, achando ponto, essas coisas. Mas é mais caro, né!

    Bjo!

  6. Paula* 31 agosto, 2009 at 22:32 Responder

    Márcio, adoro castelos!!!
    Chenounceau parece um sonho! Vou ficar de olho esperando os próximos posts para "CTRL+V" "CTRL+C" mais informações! Brigadim! 😉

  7. CarlaZ 31 agosto, 2009 at 23:04 Responder

    Essa série do Vale do Loire está show! Amo castelos e sonho muito em conhecê-los. Você só tem aumentado a minha vontade postando essas fotos tão lindas!

  8. Dudu 1 setembro, 2009 at 19:23 Responder

    Marcio, mais uma vez obrigada!!!!
    Meu marido me fo para o fez uma pergunta que não soube responder, o trajeto na raça do aeroporto para o museu leva muito tempo?

  9. Marcio Nel Cimatti 2 setembro, 2009 at 10:10 Responder

    Legal, fale pra ele que só o caminho demora no máximo 40 minutos.

    Eu acho que acabamos perdendo tempo é para procurar onde se pega o trem, o tram e a compra dos tickets.

    Abs!

  10. Nyrian 2 setembro, 2009 at 11:03 Responder

    Já estive no Vale do LOoire e este é sem duvida o meu castelo preferido,dentre os que visitei! 🙂
    Tem várias historias muito giras, uma delas estando relacioandas com a mulher e a amante do rei.
    Catarina de Medicis era a mulher e Diane de Poiters era a amante do rei Henri IV, creio eu, e ele gostava muito dela. Tanto que lhe ofereceu este castelo. Depois da morte do rei, A rainha quis o castelo. Entao fez um acordo com Diane, e trocou o castelo de Chenonceau por outro, que agora nao me recordo, mas creio que foi o de Villandry.
    O castelo tb sobreviveu Às revoluções francesas, tanto por ser a unica ponte sobre o rio numa extensao de varios quilometros, como por ser na altura propriedade de uma mulher que era muito querida naquela zona na época. Nao me recordo do nome dela,pois já lá estive há alguns anos! Mas se entrarem no castelo, o percorrerem até à margem oposta, e andarem alguns metros num caminho por entre as árvores, chegam ao tumulo dela, um tumulo de pedra enorme.
    Gostei do site. Vou passar por cá mais vezes 🙂
    Boas viagens :))

  11. Eduardo Luz 3 setembro, 2009 at 16:19 Responder

    Márcio, que eseptáculo!
    Também estou na fila dos adoradores de castelos, ainda mais os do Loire.
    Anotarei tudo pra usar por lá ( tal como a Galeria Ferrari).
    Abs

  12. Guta 8 setembro, 2009 at 22:55 Responder

    Se eu tivesse que escolher um castelo seria esse Marcio! Lindo, lindo!
    Se, como vc ja disse no outro post, o interior é meio "vaziao", por fora ele é incrivel! So do fato dele cruzar o rio, ja eh um charme todo especial…

Deixe seu Comentário

×Fechar