sábado, julho 2, 2022
spot_img
HomeViagens Nacionais7 dicas de lugares para viajar no frio

7 dicas de lugares para viajar no frio

O dia 21 de junho marca oficialmente o início do inverno e hoje separamos 7 dicas de lugares para viajar no frio. Embora muitos acreditem que que o Brasil não possui atrativos turísticos para aproveitar durante o inverno, não é isso que acontece. Assim, a porção subtropical do país abrange os estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. E eles contam com climas bem mais amenos.

Nesses lugares, a temperatura ambiente, principalmente durante o inverno, é mais reduzida. Em alguns casos, dependendo das circunstâncias, as temperaturas podem ficar abaixo de zero (inclusive com possibilidade de neve). Dessa forma, essa é uma ótima justificativa para turistas que desejam conhecer lugares para viajar no frio e aproveitar essa estação.

Lugares para viajar no frio - Urubici-SC.
Lugares para viajar no frio – Urubici-SC

São José dos Ausentes – Rio Grande do Sul – lugares para viajar no frio

O município de São José dos Ausentes é um retrato das maravilhas que podem ser encontradas em terras gaúchas. E isso especialmente durante o período de inverno. Afinal de contas, a região é considerada a cidade mais fria do Rio Grande do Sul. Dessa forma, é comum a ocorrência de neve e de outros fenômenos naturais típicos de temperaturas reduzidas. Além da neve, há ainda a geada, que embeleza os campos repletos de araucárias da região.

Um dos aspectos mais importantes da região – que a tornam indispensável de ser visitada em função das suas belas paisagens – são os seus cânions. Além, claro, de outras belezas naturais, como cachoeiras e rios.  Alguns cânions muito frequentados por turistas são o Itaimbezinho, Cruzinha, Monte Negro, Coxilha, Boa Vista, Realengo, Amola Faca, Tabuleiro e Rocinha. Neste sentido, cada um deles possui paisagens exuberantes de tirar o fôlego. Só para ter uma ideia, o cânion Monte Negro está situado ao lado do ponto mais alto do estado, o Pico Monte Negro. E ele possui 1403 metros de altitude!  

Por fim, outro fator relevante para visitar a região de São José dos Ausentes é conhecer a farta gastronomia. Ela está presente nos mais diversos estabelecimentos comerciais que trazem refeições tradicionais. Isso inclui comida caseira, churrasco, pinhão na chapa, sopa e outros pratos típicos da região que combinam bastante com o frio. Por isso que São José dos Ausentes está na lista dos lugares para viajar no frio.

Booking.com

Serra Gaúcha – Rio Grande do Sul – lugares para viajar no frio

Ainda no Rio Grande do Sul, é importante não deixar de mencionar as atrações da Serra Gaúcha. No amplo roteiro turístico que compreende diversos municípios da região, são belas paisagens, gastronomia farta e um povo acolhedor. Além disso, a ligação com a cultura italiana por conta da imigração italiana confere um ar de personalidade única às cidades da Serra.

Em Bento Gonçalves, por exemplo, são mais de 800 mil visitantes anuais que passam pela cidade. Os turistas percorrem os roteiros Caminhos da Colônia e os Caminhos da Pedra. Ambos os trajetos são ótimas opções para os visitantes que ainda não conhecem a cultura da imigração. Em Canela, por sua vez, além da cultura local, existem uma série de belezas naturais como matas nativas e cachoeiras. O Parque do Caracol, por exemplo, possui uma queda d’água de 131 metros. Outra motivação indispensável para se dirigir à região é apreciar as culinárias italiana e alemã.

Veja também! Os melhores Resorts de São Paulo!

Ao lado de Canela, está a cidade de Gramado, que é um dos principais lugares da Serra Gaúcha para viajar no frio. Com um turismo totalmente voltado para essa finalidade, Gramado tem a maior infraestrutura do estado para esse tipo de viagem. São inúmeros estabelecimentos gastronômicos e hotéis que podem atender de forma simultânea um público de aproximadamente 15 mil pessoas.

O Natal Luz, embora não seja realizado no período do inverno, traz um show de fogos e de luzes imperdível. Ainda temos o Festival de Cinema de Gramado, que é outra alternativa interessante. Neste sentido, o evento traz artistas conhecidos do cenário nacional para a cidade, movimentando o comércio e setor hoteleiro da região.

Em 2021, nevou na Serra Gaúcha e isso pode acontecer novamente este ano! Então fica ligado para curtir uma neve aqui no Brasil.

Diamantina – Minas Gerais

A cidade de Diamantina pode ser vista como a parte inicial de uma das rotas mais importantes para o turismo local. Ela fica a cerca de 300 km da capital Belo Horizonte, e faz parte da Estrada Real. A cidade recebeu o título de Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco no ano de 1999. Assim, esse título garantiu o impulsionamento do setor na região.

Com uma história conectada com a mineração de diamantes a partir do século XVIII, a cidade é repleta de casas antigas. Além disso, há vários templos religiosos centenários situados em meio às famosas ruas de pedra da cidade. Um dos maiores espetáculos musicais da região ocorre ali: a Vesperata. A apresentação de música erudita é conduzida por um a orquestra que reúne diversas composições musicais ligadas à história da cidade e da região.

Seguros Promo

Urubici – Santa Catarina

Situado na Serra de Santa Catarina, a aproximadamente 3 horas de carro de Florianópolis, Urubici traz conforto e tranquilidade para os turistas. A cidade está construída em cima de um vale plano a 915 metros de altitude, repleto de montanhas no entorno.

A região conta com um dos climas mais amenos do país, aliada aos atrativos naturais como cachoeiras, cavernas com pinturas rupestres, montanhas e cânions. Na área, existe a Serra do Rio do Rastro. Este território, localizado em meio à Mata Atlântica, é considerado um dos locais mais exuberantes para serem visitados em Santa Catarina.

Seguros Promo

Curitiba – Paraná

Curitiba é um bom destino para os turistas que desejarem conhecer uma cidade com uma estrutura mais ampla. Conhecida como a “capital mais fria do Brasil”, a cidade conta com serviços públicos de qualidade. Além disso, conta com uma rede de hotéis e estabelecimentos de alimentação e atrações culturais como museus, igrejas, parques e outros festivais. Entre os locais de visitação é possível citar:

  • Jardim Botânico de Curitiba;
  • Ópera de Arame;
  • Parque da Pedreira;
  • Parque Barigui;
  • Parque Tanguá;
  • Parque Regional do Iguaçu;
  • Além de passeios guiados pela cidade e excursões para destinos próximos, como Beto Carrero World, Ilha do Mel e o Parque Estadual de Vila Velha

São José dos Campos – São Paulo

A cidade de São José dos Campos está situada a cerca de duas horas de automóvel da capital paulista. Assim, ela serve como alternativa para quem busca lugares para viajar no frio sem gastar muito. Repleta de praças e parques, a cidade possui um ambiente bem mais calmo que a capital. Os preços para estadias em hotéis e de alimentação ficam mais em conta que em outros destinos tradicionais. Por fim, entre os locais mais frequentados pelos turistas estão:

  • Parque Municipal Roberto Burle Marx, mais conhecido como Parque da Cidade – um dos mais relevantes expoentes da arquitetura nacional. A área do parque está localizada no mesmo ponto da antiga Fazenda da Tecelagem Parayba, contando com arquitetura de Rino Levi e paisagismo de Roberto Burle Marx.      
  • Memorial Aeroespacial Brasileiro, considerado um dos mais relevantes centros de pesquisa e desenvolvimento do ramo aeroespacial na América Latina e no mundo.  
Seguros Promo

Teresópolis – Rio de Janeiro

Teresópolis é outro destino ideal para aqueles que querem encontrar lugares para viajar no frio. A cidade conta com diversas opções de gastronomia, trilhas em meio à natureza e belas paisagens. Uma boa dica é conhecer o Parque Nacional da Serra dos Órgãos, que conta com caminhos dentre as montanhas, mirantes, fauna e lindas cachoeiras. Criado em 1939 com o intuito de garantir proteção para a fauna e flora na região, abrange mais de 20 mil hectares. O parque adentra pelos municípios de Petrópolis, Magé e Guapimirim.

Dessa forma, Teresópolis é um local ideal para a prática do montanhismo. Os picos propícios para essa atividade são:

  • Pico da Pedra do Sino – com uma altura de cerca de 2,2 mil metros;
  • Pico da Pedra do Açu – com uma altura também estimada em 2,2 mil metros;
  • Pico do Dedo de Deus, com mais 1,6 mil metros acima do nível do mar.
el-quarto

Além do mais, vivem na área 462 espécies de animais. Dessas, 120 estão ameaçadas de extinção. Aos finais de semana, a movimentação na cidade é mais intensa por conta dos visitantes do Rio de Janeiro e de outras cidades.     

Quer fugir do frio? Temos sugestões como as Termas dos Laranjais! Olha!

Veja os melhores Resorts de São Paulo!

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment - Seguros Promo

Mais populares