sábado, outubro 1, 2022
spot_img
HomeEuropa e DemaisVão proibir a maconha em Amsterdam!

Vão proibir a maconha em Amsterdam!

Se depender da prefeita Femke Halsema, a decisão de proibir a maconha nos famosos cafés de Amsterdam vai mesmo rolar. A cidade conhecida por seu turismo liberal com relação às drogas pode mudar a sua política com relação a este tema.

E se a própria presença de estabelecimentos vendendo produtos a base de cannabis no local ainda é polêmica, mas imagina que vai dar o que falar se a droga for mesmo proibida nestes locais. Afinal, por que essa é uma discussão em pauta na cidade? Fique ligado porque vamos te explicar tudo a seguir.

Amsterdam

Por que Femke Halsema quer proibir a maconha nos cafés de Amsterdam?

A opinião da prefeita surgiu a partir da constatação de vários problemas na cidade envolvendo drogas. De acordo com uma entrevista que ela deu para o portal Shengen Visa Info, muitas vezes a cannabis é a porta de entrada para substâncias mais pesadas.

E a partir disso, de acordo com Halsema, Amsterdam tem registrado casos de violência e roubos pela dependência dessas drogas mais pesadas. Assim, conforme ela, a solução mais viável é proibir a maconha nos cafés de Amsterdam.

É importante destacar que estes locais estão entre os pontos turísticos mais importantes da cidade. A venda de cannabis e outras drogas é totalmente permitida em Amsterdam, sobretudo para turistas. E dos 166 cafés legalizados para a venda das substâncias, atualmente apenas 66 tem maconha diariamente para atender as demandas que aparecem.

Mas afinal, a prefeita é contra a venda de cannabis?

Na verdade, não. Femke Halsema afirmou que o objetivo desse banimento tem o objetivo de otimizar o comércio legalizado da droga. Segundo ela, a ideia é que a aquisição da substância ocorra a partir de processos e mecanismos de controle maiores e mais organizados.

Além de coibir a violência, a prefeita também está mirando em outro problema específico de Amsterdam: o tráfico de drogas nas ruas. Muitas pessoas aproveitam o fato de que a cannabis é legalizada em cafés para vender substâncias mais pesadas perto deles. Assim, instituem o vício nas pessoas, contribuindo para o aumento nas taxas de criminalidade.

Neste sentido, não é apenas ela que está preocupada com a situação. O próprio governo holandês tem pensado em medidas para diminuir problemas relacionados às drogas na cidade. Assim, proibir a maconha nos cafés de Amsterdam faz parte de uma tentativa para manter essa situação sob controle. A questão é saber se isto, de fato, ocorrerá.

Seguros Promo

Proibir a maconha nos cafés de Amsterdam afeta o turismo?

Pelo menos em um primeiro momento, esta é uma grande possibilidade. De acordo com estudos recentes realizados pelo governo holandês, cerca de 58% dos turistas que visitam Amsterdam escolhem o destino por causa da flexibilização na venda e consumo de drogas.

Assim sendo, uma reação em cadeia para controlar a cannabis (e por consequência outras substâncias) pode impactar o turismo local. Agora, conforme a opinião da prefeita, não é por causa desta determinação que Amsterdam deixará de ser um destino atraente para visitação.

Segundo Femke Halsema, a cidade tem uma série de pontos turísticos e grande riqueza cultural para ser conhecida. Para além dos pontos que vendem drogas legalizadas, ela ressaltou que Amsterdam é um destino encantador, cheio de belezas naturais. E para falar a verdade, a prefeita está certa. Há muita coisa bacana para conferir por lá. Veja aqui!

proibir a maconha
Seguros Promo

Com a cannabis proibida nos cafés de Amsterdam, o que fazer na cidade?

Mesmo que essa decisão ainda não tenha sido oficializada, há uma grande chance de ela ocorrer de fato. Mas enquanto destino turístico, Amsterdam tem muito o que oferecer. Veja abaixo alguns dos principais pontos de visitação na cidade.

Praça dos Museus

Este é um local incrível, que vale muito a pena visitar. Nele estão os três principais museus da cidade: o Museu Van Gogh, o Museu Stedelijk e o Rijksmuseum. No primeiro, você encontrará coisas incríveis da vida e do acervo do artista. No segundo, há uma série de peças históricas que encantam a todos. Por fim, o terceiro espaço abriga milhares de peças históricas e culturais.

Passeios de barco na cidade

Amsterdam é conhecida por ter vários canais fluviais, assim como a cidade de Veneza. Dessa forma, você pode fazer passeios incríveis conhecendo a cidade por uma perspectiva totalmente nova. Normalmente este tipo de atração leva os turistas para os pontos mais movimentados do local, incluindo locais turísticos importantes.

Casa de Anne Frank

A casa da menina que comoveu o mundo com seus registros sobre a Segunda Guerra Mundial está aberta para visitação. Lá os turistas podem conhecer um pouco mais de sua história, com todas as memórias narradas passo a passo. Sem dúvidas esse é um passeio emocionante que merece muito ser conferido.

Bairro Jordaan

Com certeza esta é a área mais movimentada de Amsterdam. O bairro abriga uma série de bares, restaurantes e lojas, além do museu de queijos e museu de barcos. O destaque da região inclui ainda o mercado Noordermarkt, que tem barraquinhas responsáveis por vender de tudo, de comidas até roupas. Tire um dia para conferir o local.

Principais praças e parques da cidade

É claro que esses pontos não podem ficar de fora da lista. Em Amsterdam há lindas praças e parques, que são pontos muito famosos. O parque Vondelpark é o maior da cidade que conta com uma estátua de Pablo Picasso e é um excelente ponto turístico. Quanto as praças, os destaques ficam para a Dam e a Rembrandtplein, com belos espaços e esculturas.

Mais um ponto polêmico na cidade

Se por um lado a proibir a maconha nos cafés de Amsterdam pode encerrar uma questão polêmica, há outro ponto na cidade que continuará dividindo opiniões: o Red Light District. Com funcionamento 24 horas por dia, o bairro é totalmente dedicado ao turismo sexual.

Lá há vários locais que exibem modelos em vitrines focadas no entretenimento adulto, além de estabelecimentos com apresentações teatrais eróticas. E claro, há várias lojas e bares com uma temática voltada para o turismo sexual.

Neste local, aliás, há vários dos cafés que vendem cannabis e haxixe de forma legalizada. Neste sentido, será interessante avaliar como a prefeita da cidade pretende lidar com essa situação no distrito da luz vermelha. Seja como for, ao que tudo indica ela quer tornar a cidade um ponto de visitação dedicado a todos, inclusive famílias que tenham interesse em conhecê-la.

Programe-se para ir a Amsterdam

A cidade está aberta 24 horas por dia, com várias atrações interessantes tanto gratuitas quanto pagas. Mas para que você possa aproveitar o seu passeio ao máximo, a dica é avaliar com calma todas as possibilidades que Amsterdam oferece.

Se a cannabis proibida nos cafés de Amsterdam não afetará o seu passeio, então tudo é uma questão de planejar onde ir e o que fazer. Você pode escolher locais estratégicos para ficar e comer, levando em conta fatores como localização e custo-benefício.

Lembre-se de que Amsterdam é um grande centro artístico e cultural. Assim você também poderá ter acesso a excelentes apresentações musicais, teatro e outras formas de arte. Muitas delas, inclusive, de forma gratuita. Por isso vale a pena pesquisar o que a cidade pode lhe oferecer neste sentido.

Booking.com

Considerações finais importantes sobre o assunto

Nos próximos dias podem haver mais novidades relevantes sobre a cannabis proibida nos cafés de Amsterdam. Mesmo que essa droga, assim como o haxixe seja vendida especificamente nestes locais, pode ser que o turismo da cidade acabe sofrendo com a decisão.

Por outro lado, a vantagem é que a cidade continuará dispondo de vários pontos turísticos e passeios para toda a família. Assim sendo para quem não está interessado apenas no turismo das drogas, a cidade continuará muito atrativa. Seja como for, agora é preciso acompanhar os próximos passos dessa história para ver que fim ela levará. Se a prefeita Femke Halsema conseguir cumprir com o seu objetivo de deixar a cidade mais segura, certamente poderá comemorar um grande feito, tanto para seus habitantes quanto para os turistas.

Para saber tudo sobre morar em Portugal mais detalhadamente veja esse guia que fizemos.

Aqui destacamos as 8 melhores cidades para morar em Portugal.

Veja mais matérias aqui com a gente!

Já pensou em trabalhar dirigindo um caminhão nos Estados Unidos? Olha isso!

O Canadá vai precisar de imigrantes logo mais!

Como morar fora depois da pandemia!

Conheça o Mundo sem sair de casa com esses 8 documentários

Gosta de futebol? Divirta-se e informe-se no Futeblog.com.br

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment - Seguros Promo

Mais populares