quarta-feira, agosto 17, 2022
spot_img
HomeEuropa e DemaisSuiçaOito dicas de viagem para a Suíça – como se preparar para...

Oito dicas de viagem para a Suíça – como se preparar para visitar o país

Bora conferir como organizar sua viagem para a Suíça? Uma viagem para o país do chocolate, dos relógios, queijos e canivetes demanda um planejamento bem feito. Eu te ajudo.

Afinal, existe uma série de fatores que são essenciais de serem levados em consideração, como o clima, a cultura e os recursos financeiros que estão à disposição para essa empreitada. Nesse artigo você vai conhecer algumas dicas que são fundamentais para viajar com qualidade e aproveitar o máximo possível a estadia no país da Europa Central.

São práticas que antecedem a sua viagem e que interferem de forma bastante significativa na forma que esse itinerário será executado, uma vez que existem maneiras de otimizar o dinheiro gasto e facilitar o seu deslocamento entre as localidades que são mais visitadas por turistas de todo o mundo.

Assim, veja a seguir oito dicas de viagem para a Suíça muito importantes para que você aproveite o máximo possível esse roteiro.

Dinheiro e moeda local: pontos importantes de sua viagem para a Suíça

A moeda local utilizada na Suíça não é o euro! É o franco suíço, e atualmente, tem uma cotação próxima ao dólar americano. A grande maioria dos estabelecimentos na Suíça, como restaurantes, hotéis e bares, aceitam cartão de crédito internacional e muitos aceitam euro. Mas o câmbio nem sempre é bacana. Nesses casos, não é preciso reservar uma quantia significativa em dinheiro, bastando utilizar o cartão para essas operações de crédito.

Entretanto, para realizar compras em supermercados e efetuar viagens de táxi, por exemplo, é possível que seja solicitado o uso de dinheiro físico. Então é sempre prudente sacar um valor para que você consiga utilizar esses serviços.

Outra dica de dinheiro envolve uma prática cultural local: a gorjeta. Embora não seja muito comum no Brasil, na Suíça a gorjeta é algo comum, porém a taxa de serviço dos trabalhadores é incorporada ao preço de uma refeição, e assim, não é esperado que seja deixado um valor adicional. A dica aqui é só arredondar o valor da conta. Por exemplo uma conta de 33 francos, deixe 2 francos que está ótimo.

Contudo, nas situações em que existe a possibilidade de pagar com cartão de crédito, é feita a solicitação para que seja adicionado um valor para a gorjeta com essa operação. Pode fazer o “arredondamento” do valor da mesma forma.

Preste atenção ao idioma de cada localidade

Um aspecto interessante da Suíça é que existem quatro línguas faladas em seu território. Os dois idiomas principais são o francês e o alemão, mas o italiano e o romanche também são falados em algumas regiões específicas. A maior parte do lado ocidental do país fala a língua francesa, enquanto grande parte do restante utiliza o alemão para se comunicar.

Em algumas áreas mais situadas ao Sul, próximo à Itália, o italiano é a língua principal. Em outras localidades mais específicas, como Graubünden, uma língua chamada romanche é falada.

Caso você percorra um trajeto que vai de Genebra até Zurique, por exemplo, a língua gradualmente começa a mudar do francês para o alemão. Isso é perceptível inclusive nas placas de rua, menus e sinalização de trem. 

Assim, não estranhe caso você esteja em um ambiente no qual vários idiomas são falados de uma vez só. Então tenha isso em mente na hora de organizar sua viagem para a Suíça.

Se você fala inglês dá pra se virar bem nas diversas cidades da Suíça.

Veja mais sobre os idiomas ofíciais da Suíça aqui!

Como gastar pouco em uma viagem para a Suíça

Embora seja um dos países mais caros para se visitar em todo o mundo – em função do seu desenvolvimento e elevada qualidade de vida – ainda é possível viajar pela Suíça não gastando muito.

Dessa forma, a partir de um cálculo mais detalhado de quais os custos com trens, acomodações e alimentação, você pode economizar na sua viagem. Outra possibilidade que não deve ser descartada por quem deseja economizar é comprar um passe de viagem. Tem que dar uma estudada para ver se vale a pena.

Deslocamento

Essa modalidade de pacote de estadia permite que os custos de deslocamento sejam incluídos na viagem, garantindo uma redução desses valores pagos em transporte de ônibus, bondes e barcos, por exemplo. Assim, não existe necessidade de investir dinheiro em um táxi, uma vez que você pode percorrer o mesmo trajeto até o seu destino por meio de um passe de viagem.

Acomodações

No que se refere a acomodações, um jeito de economizar dinheiro é procurar hotéis ou albergues localizados mais distantes dos centros urbanos, dos quais você pode facilmente pegar um trem rápido ou ônibus para chegar até o centro da cidade.

Caso você não queira compartilhar quartos em albergues, uma outra dica é buscar estabelecimentos que oferecem quartos privativos com banheiros compartilhados – que possuem um custo bem reduzido em relação a quartos de hotéis, por exemplo.

Outra dica são procurar os apartamentos com cozinha.

Booking.com

Refeições

Em alguns locais de gastronomia típicos da Suíça, as refeições realmente são mais caras, com pratos principais que superam os 20 francos (que contam com porções não tão generosas assim). Uma alternativa para reduzir consideravelmente os gastos com alimentação é comprar comida em supermercados nas grandes cidades e cozinhar no próprio hotel, apartamento ou nos albergues.

Assim, o custo de uma refeição em um estabelecimento pode financiar diversos tipos de pratos, com o único revés de que a comida terá que ser preparada por você. Caso você não tenha acesso a uma cozinha, uma possibilidade é comprar sanduíches e saladas que sustentam uma refeição sólida.

Seguros Promo

Faça as malas com o mínimo possível de roupas

Para fazer a sua viagem para a Suíça com qualidade entre uma série de itinerários espalhados pelo país, o mais indicado é embalar as malas com o mínimo possível de mantimentos e roupas, o que facilita o deslocamento. Isso muda no caso de você planejar uma hospedagem em apenas um ou dois hotéis ao longo de sua viagem. Mas lembre que é difícil entrar e sair dos trens com malas enormes e pesadas.

Mas se tiver a previsão de pegar trens e outros meios de transporte com frequência, uma mala mais leve vai funcionar de forma perfeita para você. Ao viajar em um trem, por exemplo, não existem espaços para guardar malas de grande porte, então é fundamental não possui uma mala de dimensões muito grandes. Malas de tamanho mais reduzido podem ser colocadas no assento ao lado de seu meio de transporte.

Lembre-se de que é possível também lavar as suas roupas durante a sua viagem, o que permite que menos roupas sejam levadas.

viagem para a Suíça

Dicas do que vestir

Caso você planeje a sua viagem para a Suíça durante o inverno, quando as temperaturas podem chegar a até 18 graus negativos, é bom se preparar bem. Nesse sentido, separe roupas bem pesadas que podem ser retiradas no caso de as temperaturas apresentarem variação ao longo do dia. Esses extremos são nas montanhas.

Veja mais sobre o clima com mais detalhes nesse post aqui!

No verão, opte por uma calça de caminhada confortável, uma camiseta e algum tipo de jaqueta mais leve. Leve em uma mochila mais roupas que podem ser trocadas no caso de necessidade. Dessa forma, você não deve ser preocupar em estar muito quente ou muito frio em um mesmo dia.

Caso você pense em fazer uma caminhada pelas montanhas, não esqueça de levar garrafas de água e alimentos que proporcionam energia – uma vez que restaurantes e outros estabelecimentos são mais raros nessas localidades.

viagem para a Suíça

Qual o melhor momento de ir para a Suíça

Isso depende do que você quer fazer durante a viagem. Caso você queira visitar apenas cidades, isso pode ser feito em qualquer uma das épocas do ano. Entretanto, caso a sua preferência seja por férias de esqui, a melhor opção é de dezembro a março para ter melhores condições e cobertura de trilhas.

Caso a sua preferência seja percorrer algumas cidades da Suíça, o melhor período para essas atividades é entre junho a setembro. A maioria das trilhas abre no final do mês de junho, dependendo da quantidade de neve que a área recebeu ao longo do inverno.

Use ferramentas para monitorar o clima

Existem diversas ferramentas que mostram as condições climáticas na Suíça, principalmente nos Alpes. O site meteoblue.com tem todas as informações de que o visitante precisa para saber como o clima vai se comportar durante a viagem.

Além disso, as grandes atrações em lugares de caminhadas ou de trilhas contam com a possibilidade de realizar consultas para saber se o tempo está nublado ou inconsistente no pico de montanhas. Tenha diversas opções de atividades que podem ser realizadas, uma vez que o clima pode mudar e inviabilizar a sua viagem.

Veja mais sobre o clima com mais detalhes nesse post aqui!

Utilize trens para o deslocamento na sua viagem para a Suíça

A situação dos trens na Suíça é bastante econômica em relação a outros meios de transporte. Existem diferentes opções de passes de viagens com preços mais em conta, como Swiss Travel Pass, Swiss Travel Pass Flex, Half Fare Card e Transfer Tickets. Esses são todos bons, dependendo de como será o seu itinerário.

Esses pacotes oferecem instruções aprofundadas para garantir que você tenha condições de se deslocar com qualidade e praticidade em direção aos seus destinos. Nesses locais, também é possível conferir os preços das passagens, muitas vezes com a meia tarifa.

Gostou de saber Oito dicas de viagem para a Suíça? Veja mais dicas!

Como se preparar para o Clima na Suíça

Roteiro de um dia em Genebra, veja o que deve conhecer!

Emissão de visto para Portugal ficará mais fácil, veja!

Como abrir uma conta na Suíça sem morar no país?

Veja mais sobre oa idiomaa ofíciais da Suíça aqui!

RELATED ARTICLES

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment - Seguros Promo

Mais populares